Lance Ubisoft anuncia nova equipe interna para Divisão Global de Esports e Jogos Competitivos

Ubisoft anuncia nova equipe interna para Divisão Global de Esports e Jogos Competitivos

Ubisoft anuncia nova equipe interna para Divisão Global de Esports e Jogos Competitivos

Lance
Lance

Lance

Lance

A Ubisoft anunciou, nesta terça-feira (1), a reformulação de suas equipes internas que integram a “Divisão de Esports e Jogos Competitivos”, um time global e recém-consolidado que trabalhará com o objetivo de moldar o futuro das modalidades de esportes eletrônicos, com o auxílio de profissionais especializados em cada uma das regiões em que a empresa está presente. A iniciativa também visa aprimorar as experiências dos jogadores em todos os níveis de competição.

"Com base nos seis anos de experiências acumuladas em nossas atividades em jogos como Tom Clancy's Rainbow Six Siege, Brawlhalla, Trackmania ou For Honor, e com os olhares voltados para a evolução da nossa indústria, a renovação da estrutura interna nos dará as ferramentas adequadas para entrar no próximo capítulo de nossa jornada e moldar o futuro dos esports e jogos competitivos na Ubisoft", destacou Geoffroy Sardin, Vice-Presidente Executivo Sênior da Ubisoft.

François-Xavier Deniele, presente em todos os tópicos estratégicos desde as primeiras atividades da Ubisoft no cenário de esports e com seis anos de atuação na região EMEA (Europa, Oriente Médio e Ásia), foi nomeado Diretor Sênior de Esports e Jogos Competitivos. Ele agora supervisionará todos os aspectos do setor e liderará a equipe em desafios e oportunidades, atuais ou futuras, em todas as modalidades de esportes eletrônicos e tópicos estratégicos.

"Estamos orgulhosos do que nossas equipes realizaram nos últimos anos em todas as regiões e dos marcos que alcançamos em nosso cenário competitivo em tão pouco tempo", ressaltou François-Xavier Deniele, que completa: “Agora nosso foco se volta para 2022 e o futuro. Fortalecendo os esports e os jogos competitivos como um pilar fundamental da cultura da Ubisoft, nossa organização interna simplificada nos permitirá mais agilidade, fato que beneficiará nossos ecossistemas competitivos em todo o portfólio de marcas da Ubisoft".

A divisão de Esports e Jogos Competitivos da Ubisoft terá os seguintes objetivos:

- Construir ecossistemas competitivos prósperos e inclusivos para o portfólio de jogos da Ubisoft - para os fãs se engajarem e participarem - e para que organizações e patrocinadores cresçam. Uma meta para as modalidades mais consolidadas, como Rainbow Six Siege, Brawlhalla e Trackmania, assim como para outros jogos competitivos existentes e futuros.

- Criar um plano de vários anos com atividades competitivas, torneios e ligas adaptadas a todos, além de um caminho claro do jogo amador ao profissional, que inspira e engaja jogadores em todo o mundo.

- Fornecer ainda mais entretenimento ao público por meio de uma oferta diversificada de produtos de esports, transmissão premium e produção de eventos, conteúdo divertido e uma forte presença local para permitir que as comunidades de todos os países desfrutem de atividades e conteúdo sob medida.

- Aproveitar novas oportunidades e acompanhar de perto as equipes editoriais e de desenvolvimento da Ubisoft em todo o mundo para colaborar na visão, escopo e recursos dos cenários competitivos, bem como estratégias de compartilhamento de itens no jogo.

- Implementar, em colaboração com parceiros e organizações, modelos de negócios de esports saudáveis e sustentáveis, além de fluxos de receita que contribuem para criar um ambiente maduro e virtuoso para todos.

Com estes objetivos, nos próximos meses o setor terá como foco os eventos internacionais de esports com presença de público - nos momentos em que essa realidade for possível - e em continuar investindo no crescimento dos títulos de modalidades de esportes eletrônicos já existentes na Ubisoft. Recentemente, a empresa anunciou planos para o Ano 7 de Brawlhalla Esports e fará revelações muito esperadas para o Ano 7 de Rainbow Six Siege, tanto para o jogo quanto para o cenário competitivo, durante o próximo Six Invitational.

A divisão de Esports e Jogos Competitivos também seguirá em busca de ampliar o portfólio de jogos que oferecem experiência competitiva aos fãs. Já em discussão com as equipes de desenvolvimento de alguns dos próximos jogos da Ubisoft, a equipe procura construir ecossistemas de competições em uma variedade diversificada de gêneros de jogos. Neste ponto, será possível aproveitar o sucesso e a experiência adquirida com o programa R6 SHARE no Rainbow Six Siege para criar estratégias de divisão de receitas para outros projetos.

Além de ampliar o portfólio, um dos principais pontos de desenvolvimento será tornar os jogos competitivos mais acessíveis aos fãs, incorporando os games em suas rotinas. Para isso, a Ubisoft acompanhará as plataformas para oferecer experiência competitiva direta de "plug and play" em seus games, seja para jogadores ou espectadores.

"Nossa parceria com PlayStation para que Rainbow Six Siege faça parte de seus torneios é um grande sucesso e uma vitrine para novos jogadores" exaltou François-Xavier Deniele. "Isso permite que um público diferente daquele que participa de nossos circuitos profissionais e semiprofissionais se envolva em torneios e estamos ansiosos para multiplicar oportunidades semelhantes".

E os estúdios de transmissão da Ubisoft em São Paulo, Paris e Las Vegas também terão um papel fundamental como vitrines das atividades competitivas da Ubisoft.

François-Xavier Deniele cumprirá seu novo mandato com a ajuda de cinco executivos, que auxiliarão no cumprimento das metas em nível global com seus conhecimentos estratégicos:

- Nelson Garcia, ex-Gerente de Eventos e Transmissões na região da EMEA, é nomeado Diretor Global Associado de Esports, Eventos e Transmissões.

- Marcio Soares, ex-Diretor de Esports e Comunidade na região LATAM, assume o papel de Diretor Global de Esports, Marketing e Negócios.

- Emeline Berthon, ex-gerente de Comunicação de Esports na região da EMEA, assume o papel de Diretora Global Associada de Esports e Comunicação.

- Che Chou, ex-Diretor Sênior de Esports para a região NA (América do Norte), será Diretor Sênior de Esports das regiões LATAM, NA e EMEA, e liderará, com sua equipe de especialistas, as operações regionais nas três regiões. Trabalharão diretamente com Che Chou: Rachid Belrhiti, Diretor Associado de Esports da região EMEA; Mauricio Lima, Diretor Associado de Esports da região LATAM; e Alexander Charsky, Diretor Associado de Esports da região NA.

- Wei Yue, no papel de Diretor Global de Esports, será responsável por tópicos de produção do Rainbow Six Siege, operações de ligas e estratégias de divisão de receitas para o Rainbow Six Esports. Ou seja, estará engajado com a equipe de desenvolvimento do jogo e também supervisionará o programa R6 SHARE, bem como a coerência e a integridade das estratégias de competições globais.

Sobre a Ubisoft

A Ubisoft é uma empresa líder na criação, publicação e distribuição de entretenimento e serviços interativos, com um rico portfólio de marcas de renome mundial, incluindo Assassin's Creed, Far Cry, For Honor, Just Dance, Watch Dogs e a série de jogos Tom Clancy com Ghost Recon, Rainbow Six e The Division. As equipes da rede mundial de estúdios e escritórios de negócios da Ubisoft estão comprometidas em oferecer experiências memoráveis de jogos originais em todas as plataformas populares, como consoles, telefones celulares, tablets e PCs. Para o ano fiscal de 2020-21, a Ubisoft gerou receitas líquidas de € 2,241 milhões. Para saber mais, visite www.ubisoftgroup.com.

Últimas