Lance Tsitsipas volta a demorar no banheiro, é vaiado, mas avança no US Open

Tsitsipas volta a demorar no banheiro, é vaiado, mas avança no US Open

Grego bateu francês e encara Alcaraz

Lance
Lance

Lance

Lance

Na noite desta quarta-feira, o grego Stefanos Tsitsipas precisou usar novamente o banheiro que causou tanta polêmica na estreia do US Open. O número três do mundo avançou diante do francês Adrian Mannarino, 44º.

Ele garantiu vaga na terceira rodada do Grand Slam americano marcando 3 sets a 1 contra o rival canhoto com parciais de 6/3 6/4 6/7 (7/4) 6/0 após 2h41min de duração na quadra Arthur Ashe fechada por conta do tornado que caiu em Nova York.

Tsitsipas fechou os dois primeiros sets com uma quebra com relativa tranquilidade. Mannarino, que não atuava desde Wimbledon, sentiu algum incômodo no pé, mancou um pouco, mas soltou seu jogo no terceiro e venceu no detalhe no tie-break.

O tenista novamente demorou no banheiro na virada do terceiro para o quarto set, voltou após cerca de oito minutos. Contra Andy Murray foram perto dos dez minutos na virada para o quinto set causando muita reclamação do britânico e de vários no circuito.

Tsitsias foi vaiado no retorno e constantemente durante a quarta parcial causando fúria no público.
O grego conseguiu a quebra após dois pontos fantásticos , um com grand lob e outro com winner de forehand vibrando. Rapidamente ele fez 3 a 0 e dominou as ações diante do rival com problemas no joelho fechando com um pneu por 6/0.

Tsitsipas iguala seu melhor resultado no torneio e vai enfrentar o jovem espanhol Carlos Alcaraz, de 18 anos, 54º colocado, que derrotou o francês Arthur Rinderknech em quatro sets.

Últimas