Treinador do Santa Cruz é flagrado jogando bola com crianças na rua sem máscara

Itamar Schulle pediu desculpas após a viralização da filmagem explicando em que contexto aconteceu o fato que vai contra as recomendações de saúde na pandemia

Lance

Lance

Lance

Em momento onde figuras públicas ou de grande alcance podem e precisam dar o exemplo de prevenção contra o novo coronavírus, o técnico Itamar Schulle acabou sendo flagrado fazendo algo que contraria as recomendações sanitárias.

No vídeo que rapidamente viralizou após a divulgação do próprio treinador em suas redes sociais, o comandante do Santa Cruz é visto jogando bola com algumas crianças em uma rua de paralelepípedo sem a utilização de máscara.

Ao lado, aliás, de outros integrantes da comissão técnica que também aparecem na filmagem trajados com o uniforme, porém utilizando a proteção facial.

Mediante a repercussão, o técnico se manifestou pedindo desculpas pelo ato e justificando que acabou tendo um lapso mediante a felicidade de atender a um pedido das crianças enquanto passava pela rua na direção do hotel onde está morando em Recife.

- Posso ter errado, peço desculpas em relação a isso, mas aquele momento eu quis me ver feliz um pouco e trazer essa felicidade para os meninos. Por isso, que tomei essa decisão de ir lá brincar, jogar um pouco de futebol. É minha maneira de ser. Eu fiz o teste e não tenho o vírus, graças a Deus. Quando terminou o trabalho aqui, eu estava indo para o hotel, como sempre, passamos álcool e tomamos todos os cuidados. Quando passo por lá, aquelas quatro crianças me chamaram para jogar futebol no paralelepípedo, aberto, ao ar livre. Com tanta maldade que tem no Brasil, no mundo, tanta coisa ruim, sei que não transmitia para ninguém porque eu não tenho o vírus. Tinha higienizado as mãos, e eu queria dar aquele momento de alegria para mim em primeiro lugar, brincar de futebol e relembrar da minha infância. E também dar alegria a aqueles meninos que ficaram felizes e contentes - detalhou Itamar.