Lance Tito Ortiz promete 'arrebentar' Anderson Silva por divergências: 'Perdi todo o respeito por ele'

Tito Ortiz promete 'arrebentar' Anderson Silva por divergências: 'Perdi todo o respeito por ele'

Lutadores tem duelo previsto para o card Triller Fight Club, dia 11 de setembro, em Los Angeles

Lance
Lance

Lance

Lance

O clima amigável entre os lutadores Anderson Silva e Tito Ortiz foi por água abaixo. Dois ex-campeões do UFC, Spider e Ortiz vão se enfrentar em uma luta de Boxe, segundo informações do MMA Fightin, no dia 11 de setembro. A turbulência começou com a insatisfação do norte-americano com as exigências contratuais expostas pelo brasileiro.
+ Confira a classificação do Brasileirão

Segundo Ortiz, Anderson exigiu que a luta fosse disputada no limite de 88,5kg, abaixo dos 93kg aos quais o americano se acostumou ao longo da carreira. Vale frisar que Spider marcou seu nome no UFC lutando na categoria peso-médio, cujo limite de peso era 83,9kg.

- Houve algumas negociações a respeito do limite de peso para a luta. Eu tinha muito respeito por esse cara, mas ele fez o que fez no contrato. Perdi todo o respeito por ele depois disso. Ele quer que eu desça para 88,5kg. Silva já lutou seis vezes nos 93kg na sua carreira no MMA, e agora quer que eu desça para 88,5kg. Isso mostra o medo que ele tem da minha força. A última vez que pesei 88,5kg foi no meu segundo ano da faculdade, quando lutava wrestling - disse à 'TMZ'.

- Mas vou bater o peso. Vou literalmente cortar um pedaço do corpo pra isso. Nunca estourei o peso na minha carreira, mas Anderson passou do limite fazendo isso. Por isso perdi o respeito por ele. Ele é um dos melhores da história no MMA, mas não o respeito mais. Isso só me dá mais força e mais agressividade nos treinos para arrebentar a cara dele - completou Ortiz.

Tito Ortiz aproveitou também para desdenhar do estigma da luta de exibição. Para ele, o sangrento combate será uma verdadeira briga.

- Sou muito mais duro que ele. Vou acabar com ele, vou fazer uma luta sangrenta. Estou pronto para brigar, porque é isso que vai ser. Não vou lá para uma exibição, para brincar ou dançar. Estou aqui para lutar. Sou lutador, é o que eu faço para viver. As pessoas não percebem que eu sou um ótimo golpeador, e melhorei nos últimos seis anos. Estou empolgado. Treinei boxe a minha carreira inteira. Agora eu não tenho mais que me preocupar com wrestling, jiu-jítsu, joelhadas ou chutes. Vou me concentrar apenas no boxe. Agradeço a Anderson Silva por finalmente aceitar a luta e assinar o contrato - declarou.

Anderson, aos 46 anos, vem de uma expressiva vitória sobre Julio César Chávez Jr., ex-campeão mundial de Boxe, no mês de junho, na Cidade do México, por decisão dividida. Já Ortiz não luta desde dezembro de 2019, quando finalizou Alberto Rodriguez. O americano registra ainda mais duas vitórias seguidas, sendo uma sobre Chuck Liddell por nocaute e uma finalização contra Chael Sonnen.

Últimas