Lance Talles Magno volta a marcar pelo Vasco: 'Só tenho a agradecer ao Vanderlei por confiar no meu futebol'

Talles Magno volta a marcar pelo Vasco: 'Só tenho a agradecer ao Vanderlei por confiar no meu futebol'

No retorno de Luxemburgo, atacante recupera a confiança e tem boa atuação diante do Botafogo, em São Januário, o mesmo adversário de sua estreia como profissional em 2019

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

O atacante Talles Magno voltou a balançar as redes neste domingo no clássico contra o Botafogo. O Cruz-Maltino venceu por 3 a 0 em São Januário contando com uma excelente atuação do camisa 11 que abriu o placar. Na sequência como titular sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, o atacante teve nota de 8.2 segundo o aplicativo 'Sofascore', a maior do jogador na competição.

> Confira a tabela atualizada do Brasileirão 2020 e simule os resultados

Com isso, o jovem atleta foi eleito o melhor da partida em seu reencontro com o Botafogo, adversário em sua estreia como profissional em 2019, quando Luxemburgo o promoveu para a categoria principal.


- Só tenho a agradecer ao Vanderlei por confiar no meu futebol. Ele sempre me ajudou, conversamos bastante na sua chegada, recebi muitos conselhos, estou escutando bastante e voltando a jogar o futebol que sempre joguei. O dia a dia com ele é diferente e com certeza eu consegui recuperar a confiança. O grupo está unido num só objetivo, que é tirar o Vasco dessa situação ruim no campeonato. Sei que temos total capacidade de fazer isso e a atuação de ontem foi um primeiro passo para concluirmos nossa meta até o final do Brasileiro – ressaltou o jogador.

Na atual temporada, Talles Magno disputou 39 jogos, com 3 gols marcados, todos em clássicos estaduais. Além disso, o camisa 11 também concedeu seis assistências, números que fazem dele o maior garçom da equipe Cruz-Maltina na temporada 2020/2021.

É a segunda vez que Luxemburgo e Talles se reencontram. Vale destacar que na primeira passagem do professor pelo Gigante da Colina, em 2019, foram 15 jogos disputados sendo 12 como titular, o tornando peça importante para salvar a equipe do rebaixamento. Desde a chegada do treinador, o Vasco tem contado com novas opções de atletas oriundos das categorias de base e o atacante destacou a importância disso para a equipe.

- Fico feliz em ver o Vasco contando com o meninos que subiram, eu passei pelo mesmo processo e sei como é diferente sair da base e disputar um campeonato tão grande como a Série A pelo time profissional. A categoria tem muita qualidade e provou sendo campeão da Copa do Brasil. Eu sempre vou torcer para que os meus companheiros tenham oportunidade, aumenta a qualidade e a concorrência, mas o Vasco ganha muito com isso – finalizou.

Últimas