Lance Surfista de onda gigantes brasileiro morre após queda em Nazaré

Surfista de onda gigantes brasileiro morre após queda em Nazaré

Essa é a primeira morte de um surfista na Praia do Norte, no litoral português

Lance
Lance

Lance

Lance

O surfista de ondas gigantes brasileiro Márcio Freire morreu, nesta quinta-feira, em Nazaré, no litoral de Portugal. Aos 47 anos, o baiano sofreu uma queda ao tentar surfar um dos "paredões" da Praia do Norte e não resistiu aos ferimentos.

Essa foi a primeira morte de um surfista na praia, conhecida pelas ondas gigantes que frequentemente ultrapassam os 15 metros de altura.

+ Quando começa o campeonato mundial de surfe? Veja calendário com datas das etapas da WSL

Márcio foi resgatado em um jet-ski, mas já havia sofrido uma parada cardiorrespiratória. Mário Lopes Figueiredo, comandante da Capitania de Nazaré, deu entrevista à agência "Lusa", na qual confirmou que nenhum dos procedimentos médicos foi suficiente para salvar a vida do brasileiro.

- Lamentavelmente, nenhuma das manobras de suporte de vida teve sucesso, acabando o óbito por ser declarado no local - informou.

+ Entenda o estado atual de saúde de Damar Hamlin, internado após forte choque durante partida

Márcio Freire era um dos maiores surfistas de ondas gigantes do mundo. O baiano formava com dois conterrâneos, Danilo Couto e Yuri Soledade, o trio chamado de "Mad Dogs" (Cachorros Loucos em português), que desbravava as ondas mais difíceis do planeta sem o auxílio de jet-ski.

Últimas