Lance Referência no PUGM Mobile, técnico da Alpha 7 revela o que está por trás do sucesso

Referência no PUGM Mobile, técnico da Alpha 7 revela o que está por trás do sucesso

"Pai Barreiros" coleciona vitórias no jogo e não pretende se aposentar tão cedo

Lance
Lance

Lance

Lance

Em meio à disputa da PMPL Brasil de PUBG Mobile, Pai Barreiros, técnico da Alpha 7, já pensa nos próximos passos. Referência na indústria do eSports, com títulos nacionais, continentais e um mundial, conquistado em 2021, o paranaense de Quinta do Sol tem, em suas próprias palavras, “sede de sucesso”. Por enquanto, a aposentadoria não está nos planos.

“Sempre penso em parar, mas a sede de vencer fala mais alto e eu não consigo”, comentou.

Aos 48 anos, ele é técnico de um time tão jovem – apenas três anos – quanto vitorioso. Pai Barreiros acredita que a paciência foi a virtude chave que o fez chegar longe na modalidade:

“O sucesso leva tempo. O que fizemos foi trabalhar tentando sempre surpreender, com diferentes cartas e inovando. Muito treino, muita dedicação e muito foco dos jogadores foram ingredientes fundamentais para tornar essa equipe vitoriosa.”

Ainda em 2022, além da PMPL Brasil, a Alpha 7 tem na mira a disputa da PMPL Américas. As competições não param. E o técnico acredita que os jogos mobile têm tudo para se tornarem, em um futuro próximo, o principal entre os gamers.

“Enxergo com muitos bons olhos todo o investimento que tem sido feito. Com o avanço da tecnologia, dos jogos, o mobile vai ganhar muito mais relevância. Hoje, é só a pontinha do iceberg. O mobile tem tudo para se tornar a maior modalidade dos esportes eletrônicos”, disse.

Com a experiência de quem já comandou alguns dos jogadores mais tarimbados do Brasil e do mundo, Pai Barreiros acredita que os jovens que desejam ingressar nessa carreira precisam estar atentos às portas que se abrem.

“Quem pretende ter sucesso nessa modalidade precisa treinar muito, estudar o jogo e, principalmente, abraçar as oportunidades que aparecem, porque vejo que muitos deixam passar”, criticou o treinador.

Últimas