Lance Pentacampeão Rivaldo se pronuncia sobre ausência no velório de Pelé

Pentacampeão Rivaldo se pronuncia sobre ausência no velório de Pelé

Ex-jogadores da Seleção tem sido criticados por não terem comparecido às homenagens

Lance
Lance

Lance

Lance

A ausência dos ex-jogadores da Seleção Brasileira, campeões do mundo em 2002 e 1994, no velório de Pelé, gerou polêmica nas redes sociais. Após a repercussão do assunto, o camisa 10 do pentacampeonato usou o Instagram para explicar a ausência. O ex-atleta afirmou que não gosta de fazer homenagem nesta hora.

- Gostaria de passar a limpo essa história que estão falando na mídia que nenhum jogador do penta foi no velório do Pelé. Eu falo por mim, que mesmo se eu estivesse no Brasil não tenho certeza se iria ao velório mesmo sabendo que o Pelé foi o melhor de todos os tempos. Não gosto de fazer homenagem nesta hora, não sou contra quem quer fazer - iniciou Rivaldo.

+ Edinho, filho de Pelé, agradece homenagens ao pai; veja vídeo

- Eu conheci o Pelé, tive várias vezes com ele e tive a oportunidade de honrar e homenagear ele em vida. Mostrei meu carinho e admiração por ele em cada momento e ele sempre agradeceu por isso. Ninguém vai mudar o meu respeito e admiração que eu tinha e continuo tendo por ele por não ir no velório. A melhor homenagem é em vida e isto eu fiz e estou com a consciência bem tranquila - completou.

Outro criticado por não comparecer foi o goleiro Marcos, ex-Palmeiras. O ex-goleiro da Seleção Brasileira disse que entende as cobranças, mas que ninguém foi ao velório dos seus pais, e ele não julgou ninguém pelo ocorrido. Do tetracampeonato do Brasil, apenas o ex-volante Mauro Silva compareceu ao velório.

+ Velório de Pelé recebe mais de 230 mil torcedores na Vila Belmiro, estádio do Santos

Pelé foi internado dia 29 de novembro para reavaliar a quimioterapia para tratar um câncer no cólon. Contudo, o ex-jogador teve uma piora no quadro e passou um mês no Hospital Israelita Albert Einstein até morrer, na última quinta-feira, aos 82 anos.

Últimas