Lance Pedri garante gostar de jogar com maioria de torcida contra; Espanha deve ter menos apoio que Marrocos

Pedri garante gostar de jogar com maioria de torcida contra; Espanha deve ter menos apoio que Marrocos

Meia do Barcelona sabe que Estádio Cidade da Educação deverá ter maioria de apoiadores da seleção norte-africana. Duelo é pelas oitavas de final da Copa do Mundo, nesta terça-feira

Lance
Lance

Lance

Lance

A Espanha vai enfrentar o Marrocos, nesta terça-feira, pelas oitavas de final da Copa do Mundo. Mas deverá encarar também, no Estádio Cidade da Educação, uma torcida apoiando mais os norte-africanos. Foram, inclusive, disponibilizados mais ingressos. Mas nada que desestabilize Pedri e companhia.

- Todos os jogadores na seleção estamos acostumados a jogar em estádios onde a maioria do público está contra nós. Pessoalmente, eu gosto - admitiu o meia do Barcelona, antes do treino desta segunda-feira.

Os marroquinos avançaram em primeiro lugar no Grupo F e de forma invicta. Diferentemente da Espanha, que perdeu o último jogo, a despeito de um estilo de jogo bastante característico.

- Certamente a seleção do Marrocos nos estudou, mas vamos mudar e melhorar as coisas. Temos muita vontade e ambição de dar à torcida o que ela merece - reforçou.

-> Confira a tabela da Copa do Mundo

A derrota citada foi para o Japão. Depois daquela partida, na qual a Espanha levou dois gols no início do segundo tempo, o técnico Luis Enrique analisou como um colapso de dez minutos. Seja como for, repeti-lo numa etapa eliminatória pode ser fatal.

- Chegamos a uma fase em que, se tivermos dez minutos de desconexão, voltaremos para casa. Vamos trabalhar e melhorar porque senão estamos fora - admitiu Pedri, antes do treino da seleção espanhola, na Universidade do Qatar, em Doha.

Últimas