Pandemia do Coronavírus evitou que o Galo negociasse Lucas Hernández e Ramón Martínez para outros clubes

Os dois receberam propostas de clubes da América do Sul, mas as conversas não seguiram por conta da pausa forçada do futebol

Lance

Lance

Lance

O presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, disse que o lateral-esquerdo Lucas Hernández e o volante Ramón Martínez, que não fazem mais parte dos planos do técnico Jorge Sampaoli, receberam propostas de outros clubes.

-Nós tivemos algumas contratações não satisfatórias, mas nós vamos tentar minimizar ou zerar o prejuízo que o clube pudesse vir a colher. São dois atletas novos, até temos conversa por um deles e que praticamente zeraria (o prejuízo- disse ao Canal do Nicola.

Os interessados na dupla, times da América do Sul, não seguiram com as negociações com o Galo por conta da pandemia do coronavírus, que travou as conversas.

-São propostas de clubes do futebol sul-americano. O Lucas Hernández era titular do Peñarol até pouco tempo, já o Martínez também tem uma proposta boa para ele aí, era para ter acontecido, mas parou durante o coronavírus. São jogadores novos, então acredito que nós vamos repor os cofres do clube-disse.

Lucas Hernández chegou ao Galo no meio de 2019 e foi comprado junto ao Peñarol-URU por 3 milhões de dólares (cerca de R$ 12 milhões na cotação da época). No mesmo período, o clube mineiro fez a contratação do volante paraguaio Ramón Martínez, que custou 2,2 milhões dólares (R$ 8 milhões à época). Ele estava no Guaraní-PAR. Mesmo sem ficar no elenco principal, os dois atletas tem contrato com o Galo até o fim de 2022.


Hernández jogou apenas sete partidas, sem marcar gol pelo clube. Já Ramón Martínez disputou 14 jogos, também sem balançar as redes.