Lance Neto pede para Neymar assumir briga contra racismo

Neto pede para Neymar assumir briga contra racismo

Ex-jogador e apresentador pediu para o craque brasileiro conversar com Lewis Hamilton e LeBron James, e lutar contra o racismo 

Lance
Lance

Lance

Lance

O Paris Saint-Germain estreou com derrota no Campeonato Francês. O atual campeão foi derrotado pelo Olympique de Marselha por 1 a 0, em jogo com cinco expulsões. Entretanto, a partida ficou marcada pelo racismo do zagueiro Álvaro González contra Neymar. O brasileiro foi expulso após agredir o rival e deixou o campo furioso afirmando ter sido vítima de racismo.

Em rede social, Neymar protestou contra a expulsão e o racismo, e afirmou que o defensor o chamou de "macaco". O camisa 10 do PSG também respondeu uma publicação do espanhol, que se defendeu postando uma foto ao lado de jogadores negros do Olympique de Marselha.

No programa 'Os Donos da Bola' desta segunda-feira, o apresentador Neto saiu em defesa do craque brasileiro. Para o ex-jogador, é o momento para Neymar assumir a briga contra o racismo mundial, não apenas no futebol, e conversar com Lewis Hamilton e LeBron James, principais nomes do esporte na luta contra o racismo. Hamilton, inclusive, é amigo de Neymar.

- Neymar, talvez seja o momento de você falar com o Lewis Hamilton, com o LeBron James, sem querer aparecer em foto e sem querer sair como celebridade, para assumir mesmo essa briga. Assume essa briga do racismo. E não é a briga do racismo do futebol. É a briga do racismo mundial. Até porque o nosso país é muito racista. Quantos negros estudavam com você? Quantos negros você vê médicos, juízes e professores? Não é o momento, Neymar? - afirmou Neto.

Últimas