Lance MP-GO detalha valores e nomes em caso de manipulação de apostas no Brasileirão, diz revista

MP-GO detalha valores e nomes em caso de manipulação de apostas no Brasileirão, diz revista

Oito jogos do torneio em 2022 estão sendo investigados na Operação Penalidade Máxima

Lance

O caso de manipulação de apostas no futebol brasileiro ganhou uma atualização nesta segunda-feira. Segundo a revista "Veja", o Ministério Público de Goiás fez uma nova denúncia, onde pelo menos 20 partidas estariam sendo analisadas na Operação Penalidade Máxima.

No mês passado, o MP-GO já havia anunciado o início da operação. Moraes, do Atlético-GO; Kevin Lomónaco, do Red Bull Bragantino; Gabriel Tota, do Ypiranga; e Eduardo Bauermann, do Santos, já eram nomes, confirmados pelo LANCE!, que estariam sendo investigados.

A revista trouxe nesta segunda, de forma detalhada, mais jogos, atletas e valores de cada partida investigada no caso. Os duelos ocorreram nas séries A e B do ano passado, além de estaduais pelo Brasil em 2023. O MP-GO teria pedido à Justiça a condenação dos envolvidos.

+ Ex de Piqué, Shakira é vista com Tom Cruise durante corrida da Fórmula 1; flagra repercute na web

Veja os detalhes de alguns dos jogos investigados:

Palmeiras 2 x 1 Juventude - 26ª rodada do Brasileirão 2022
Foi oferecido R$ 30 mil ao lateral Moraes, que na época atuava pelo Juventude. A aposta consistia no jogador receber um cartão amarelo, o que, de fato, ocorreu.

Juventude 1 x 1 Fortaleza - 27ª rodada do Brasileirão 2022
Foi oferecido R$ 60 mil, com R$ 5 mil adiantados para Gabriel Tota, para que este repassase os valores para Paulo Miranda, a fim de que o companheiro de equipe levasse um cartão amarelo, o que ocorreu.

Goiás 1 x 0 Juventude - 36ª rodada do Brasileirão 2022
Oferta de R$ 50 mil, sendo R$ 20 mil antes do jogo, para Moraes levar um cartão amarelo. No mesmo jogo, também teria sido prometido R$ 50 mil, sendo R$ 10 mil antes do jogo para Paulo Miranda receber um cartão amarelo.

Ceará 1 x 1 Cuiabá - 32ª rodada do Brasileirão 2022
Combinado um valor "não precisado" para Igor Cariús, do Cuiabá, receber um cartão amarelo. Foi oferecido um adiantamento de R$ 5 mil, e o jogador recebeu a advertência.

+ Cupom LANCEFUT com 10% OFF para os fanáticos por esporte em compras acima de R$299,90

Red Bull Bragantino 1 x 4 América-MG - 36ª rodada do Brasileirão 2022
Promessa de R$ 70 mil, sendo R$ 30 mil antes do jogo, para que Kevin Lomónaco levar cartão amarelo, o que ocorreu.

Santos 1 x 1 Avaí - 36ª rodada do Brasileirão 2022
Foi oferecido pelo menos R$ 50 mil antes do jogo para Eduardo Bauermann receber um cartão amarelo. No entanto, o defensor não foi advertido.

Botafogo 3 x 0 Santos - 37ª rodada do Brasileirão 2022
Como não havia recebido o cartão amarelo na rodada anterior, mesmo com o valor já pago, Eduardo Bauermann teria aceitado a proposta para ser expulso no jogo, o que de fato ocorreu.

Cuiabá 1 x 1 Palmeiras - 36ª rodada do Brasileirão 2022
Pagamento de R$ 60 mil para que Igor Cariús recebesse um cartão amarelo na partida.

Além de Bruno Lopes, que seria o líder do grupo criminoso detido na primeira fase da operação, o MP também investiga outras 16 pessoas. Eduardo Bauermann, zagueiro do Santos, negou as acusações, mas o clube informou que emitirá uma nota oficial após conversar com o jogador e seu advogado.

Últimas