Lance Medvedev: 'Sou um jogador diferente de 2 anos atrás'

Medvedev: 'Sou um jogador diferente de 2 anos atrás'

Russo está preparado para Djokovic

Lance
Lance

Lance

Lance

Após se garantir em sua terceira final de Grand Slam da carreira, o russo Daniil Medvedev, vice-líder da ATP, comentou a diferença de seu nível de jogo e mentalidade de 2 anos atrás quando estreou em finais do Grand Slam,


"Nunca se sabe onde um jogo deste nível vai. É preciso estar atento do que se faz e com certeza, ali no segundo set muita gente pensava que as coisas poderiam ir para outro lado, precisei focar. Eu tinha de fazê-lo jogar e queria apenas por as bolas dentro das linhas. Eu precisava pressioná-lo. Nos setpoints, fiz um ponto bom e as coisas viraram e consegui reverter. Não acho que joguei meu melhor tênis hoje, mas estou feliz de estar na final do domingo", analisou a partida ainda em quadra.

Questionado sobre a final que disputou em 2019 em um jogo duro em cinco sets contra o espanhol Rafael Nadal, ali mesmo em Flushing Meadows, Medevdev pontuou: "Aquela final foi doida. Se for igual no domingo, espero que eu vença. Vamos acompanhar a semifinal, será um grande jogo e quem vir, será um grande adversário e eu tenho de estar preparado", concluiu ele na entrevista em quadra.

Instantes depois, o russo concedeu uma entrevista a Mischa Zverev, na Euroports e voltou a ser perguntado sobre a edição 2019 do US Open: "Há dois o torneio foi maluco, as coisas foram diferentes. Agora até a torcida até é diferente. Eu sou um jogador diferente de dois anos atrás, porque o tênis é assim, ou você evolui ou fica para trás, então eu melhorei meu jogo e obviamente, estou mais experiente e esse tipo de coisa também te prepara para jogos assim", pontuou.

O irmão mais velho do alemão Alexander Zverev, questionou o russo sobre o que espera para a final e o que precisa fazer para superar Novak Djokovic, caso esse seja seu adversário. "Primeiro precisamos ver como vai ser esse jogo vai ser. Sascha [Zverev] tem feito um grande torneio, vencido alguns ótimos jogos aqui, também em Cincinnati e nas Olimpíadas. Eu estou realmente interessado em ver como o jogo (a semifinal) será. Se vier o Novak, tenho que preparar algo especial, você não enfrenta um campeão de 20 título do Grand Slam como se fosse um jogador normal", finalizou.

Últimas