Lance Matheus Felipe comemora primeiro título como profissional e projeta Série B pelo CSA

Matheus Felipe comemora primeiro título como profissional e projeta Série B pelo CSA

Contratado nesta temporada, o zagueiro de 22 anos se consolidou na equipe titular do Azulão

Lance
Lance

Lance

Lance

Após muita emoção nos pênaltis, o CSA conquistou seu 40º título do Alagoano contra o rival CRB. Um dos pilares da campanha do Azulão foi o zagueiro Matheus Felipe, contratado nesta temporada e que vem se consolidando na equipe titular. A conquista estadual foi a primeira do jogador de 22 anos como profissional.

>Veja quais serão os jogos da 1ª Rodada na Série B

Matheus ressalta a preparação do elenco para disputar a final contra seu maior rival, destacando o peso de jogar um clássico, e exalta a importância da torcida no título estadual, dando confiança aos jogadores e apoiando em todos os momentos da competição.

- Primeiramente quero agradecer a Deus por ter me dado essa oportunidade de conquistar meu primeiro título como profissional. Todos nós sabíamos da importância desse título alagoano. Nos preparamos a semana toda para disputar um grande clássico e nossa torcida também foi fundamental nessa conquista, porque em todo momento estavam nos apoiando e passando muita confiança para que nosso time fizesse um grande jogo - disse.

Após rápida adaptação, o zagueiro agradeceu a recepção que teve por todos do clube, afirmando que isso ajudou em seu início no CSA, e espera muita dificuldade na Série B, porém ressaltando a qualidade do elenco para conquistar o acesso à elite do futebol brasileiro.

- Quando cheguei ao CSA, meus companheiros e a comissão técnica me deram confiança necessária para que me adaptar o mais rápido possível no clube, e isso me ajudou muito. A expectativa para a série B é das melhores, sem dúvidas. A gente sabe que esse ano vai ser muito disputado, mas temos totais condições de fazer um ótimo campeonato e vamos buscar o acesso - concluiu.

A equipe alagoana estreia na próxima sexta-feira (28) contra o Náutico, no Estádio dos Aflitos, às 21h30 (de Brasília).

Últimas