Lance Jornalista do Qatar provoca seleção alemã por derrota após protesto na Copa: 'Foca no futebol'

Jornalista do Qatar provoca seleção alemã por derrota após protesto na Copa: 'Foca no futebol'

Alemães negaram um suposto desvio de foco com a derrota para o Japão

Lance
Lance

Lance

Lance

Um jornalista do Qatar usou o Twitter para ironizar o protesto feito pela seleção alemã antes do jogo contra o Japão, na primeira rodada do Grupo E da Copa do Mundo. Mohammed Al-Kaabi ligou a preocupação com a censura pelo uso da braçadeira 'One Love' com a derrota para o time asiático.

- Isso é o que acontece quando você não foca no futebol - disse o jornalista

DESVIO DE FOCO?

A seleção negou um suposto desvio de foco com a derrota para o Japão. Diversos jornais, apesar de comprarem a briga da Federação Alemã de Futebol, vinham pedindo mais atenção com o futebol antes do tropeço.

Depois de consumada a derrota, o assunto voltou à tona nos vestiários. Em tom muito mais ácido, a imprensa alemã exigiu uma postura mais incisiva de Flick.

- Não. Não procuramos desculpas, isso seria muito barato para nós. O Japão tem um time muito bom, está muito bem treinado, taticamente bom e trouxe sua força para o jogo, jogando com muita eficiência. Eu gostaria de ter tido isso da minha equipe - respondeu o comandante germânico quando questionado sobre as atenções voltadas para o 'One Love'.

Nancy Faeser

Nancy Faeser

Lance

Ministra alemã usou braçadeira 'One Love' (Ronald Wittek/EFE)

Os jogadores germânicos realizaram um protesto silencioso pelo veto da Fifa ao uso da tarja de capitão 'One Love', de apoio à causa LGBT, antes da estreia diante do Japão.

- Isso deveria ter sido um sinal da equipe e de nós de que a FIFA está nos silenciando. É isso - apontou Flick nos vestiários.

Últimas