Lance Hipismo: Equipe brasileira do salto falha bastante e fica sem medalha nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Hipismo: Equipe brasileira do salto falha bastante e fica sem medalha nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Trio do Brasil termina competição em sexto. Último pódio do Brasil foi em 2004, com Rodrigo Pessoa, em torneio individual

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

O hipismo brasileiro encerrou a sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio sem medalhas. A última oportunidade veio na manhã deste sábado, na final dos saltos. Os três conjuntos brasileiros (cavaleiros + cavalos) cometeram 29 faltas e terminaram em sexto lugar. O ouro ficou com a Suécia, a prata com os Estados Unidos e o bronze com a Bélgica.

Para definir o ouro, foi necessária mais uma volta Isso porque americanos e suecos não cometeram faltas. Na volta extra, também ficaram zerados e aí o primeiro lugar ficou com a Suécia porque completaram as provas em menos tempo: 122.9 segundos contra 124.20 dos americanos. A Bélgica cometeu 12 faltas.

CONFIRA O QUADRO DE MEDALHAS ATUALIZADO AO FINAL DA REPORTAGEM

Sem medalhas desde 2004

O Brasil enviou quatro cavaleiros para Tóquio: Marlon Zanotelli, Pedro Veniss, ,Yuri Mansur e Rodrigo Pessoa, que não disputou esta final, mas é justamente dele a última medalha do país no esporte: ouro no salto individual, nos Jogos de Atenas, em 2004. Ele tem ainda dois bronzes (1996 e 2000).

Últimas