Lance Free Fire Continental Series começa neste fim de semana

Free Fire Continental Series começa neste fim de semana

Principal torneio internacional de Free Fire para 2020 terá três divisões separadas: Americas Series, EMEA Series e Asia Series

Lance
Lance

Lance

Lance

O Free Fire Continental Series (FFCS), principal torneio internacional de Free Fire em 2020, começa neste fim de semana (21 e 22). Os finalistas regionais disputam simultaneamente em suas respectivas divisões: Americas Series, EMEA Series e Asia Series. As finais acontecem em 28 e 29 de novembro, e haverá eventos e recompensas durante as partidas.

Amercia Series, EMEA Series e Asia Series

A Americas Series contará com times e jogadores de Brasil e América Latina, enquanto a Asia Series compreende Taipé Chinês, Índia, Indonésia, Malásia, Filipinas, Camboja, Tailândia, Vietnã e outros mercados da região. Por fim, o EMEA Series reúne Europa, Rússia, Oriente Médio e Norte da África (MENA).

Os play-ins para a Americas Series serão neste sábado (21), a partir das 14h, com transmissão no YouTube e na BOOYAH!, plataforma de streaming da Garena. Acompanhe tudo também pela hashtag #FFCS no Twitter.

Cada divisão terá premiação total de US$ 300 mil, fazendo com que o prêmio combinado da FFCS seja de US$ 900 mil.

Veja abaixo os times que disputam os play-ins do Americas Series:

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Lance

Foto: Divulgação

Representando o Brasil, os times que jogam os play-ins da Americas Series são Black Dragons (atual campeã da C.O.P.A. Free Fire), Flamengo B4, Santos eSports, Cruzeiro, Corinthians e RED Canids Kalunga (campeã do Gigantes Free Fire). Já os representantes da América Latina são God Esports, Naguara Team, God’s Plan, TopHard, Malvinas Gaming e Wild Esports.

As quatro melhores equipes da etapa avançam para a grande final, em 28 de novembro. Nela já estão classificados a SS Esports, campeã da LBFF 3 e Ignis Esports, campeã da Free Fire League, campeonato latino-americano.

Além deles, os times que ficaram entre 2° e 4° lugar na LBFF 3 e na FFL completam as vagas restantes. São eles: Vivo Keyd, Team Liquid e paiN Gaming, pela Liga Brasileira, e Arctic Gaming, Team Aze e Savage Esports pela Liga Latino-Americana (FFL).

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Lance

Foto: Divulgação

Com comentários ao vivo em dez idiomas (árabe, bahasa indonésio, inglês, hindi, mandarim, português, russo, espanhol , tailandês e vietnamita), o público poderá assistir às partidas ao vivo no YouTube e na BOOYAH!, plataforma de streaming da Garena.

Sendo assim, durante a final, a BOOYAH! irá distribuir 1 milhão de diamantes para quem assistir pela plataforma e tiver a conta de Free Fire vinculada ao perfil BOOYAH!. Mas fique atento: a recompensa só será distribuída se a final chegar a 1 milhão de espectadores, somando as audiências no YouTube e na BOOYAH!.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Lance

Foto: Divulgação

Squad Imbatível

A partir de 20 de novembro os jogadores podem ter um gostinho da experiência do FFCS com o evento in-game Squad Imbatível, que convida os jogadores a se juntarem em equipes de quatro participantes e completar missões para recompensas.

Além disso, a interface principal do Free Fire também passará por uma grande reformulação para apresentar uma série de eventos e recompensas com o tema FFCS. Quem participar terá a chance de ganhar skins e colecionáveis ​​exclusivos da FFCS.

- Evento Aplauda seu Time: será possível desbloquear recompensas ao mostrar apoio ao time favorito da FFCS.
- Evento Chute Vencedor: jogadores podem ganhar recompensas ao prever corretamente quais equipes receberão um BOOYAH!
- Assista ao vivo: jogadores podem ganhar recompensas assistindo aos jogos.
- Loja de Troca: jogadores podem ganhar tokens durante o jogo, que podem ser trocados durante este período por ainda mais recompensas!

O principal dia do evento será em 28 de novembro, dia da grande final da FFCS Americas. Mais detalhes e informações serão confirmados em breve.

Formato Competitivo

Todas as três séries seguirão o mesmo formato competitivo em ambas as fases do torneio: as equipes jogam ao longo de seis rodadas, em três mapas (Bermuda, Purgatório e Kalahari), com pontos atribuídos com base na classificação da rodada e no número de mortes.

Veja como funciona abaixo:

Últimas