Lance Fernando Gago, ex-jogador almejado há 10 anos, pode se tornar técnico do Cruzeiro em 2023

Fernando Gago, ex-jogador almejado há 10 anos, pode se tornar técnico do Cruzeiro em 2023

Argentino recebeu proposta para comandar a Raposa, após ter sido desejado pelo clube há uma década

Lance

Com uma proposta do Cruzeiro em mãos, o treinador argentino Fernando Gago está sendo acompanhado de perto pelo clube nesta temporada. A relação com a equipe mineira poderia ter se iniciado há 10 anos.

Durante toda a temporada, o trabalho de Gago no Racing foi monitorado pelo departamento de mercado do Cruzeiro, que buscava opções devido às mudanças de comando técnico, envolvendo Paulo Pezzolano, Pepa e Zé Ricardo.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

Além de avaliar técnicos argentinos, a equipe também observou profissionais uruguaios e portugueses. No primeiro semestre, por exemplo, Pepa foi escolhido para substituir Paulo Pezzolano.

Existe um otimismo em relação à possibilidade de Gago se tornar o técnico do Cruzeiro a partir de janeiro. Segundo o GE, os detalhes da proposta enviada são considerados "interessantes" pelo staff do treinador. Embora Gago esteja atualmente na Argentina, a expectativa é que o acordo possa ser finalizado ainda nesta semana.

➡️Após 50 anos, Cruzeiro pode voltar a ter um treinador argentino no comando

Curiosamente, a história de Gago com o Cruzeiro poderia ter começado há uma década, mas como jogador. Em julho daquele ano, o clube tentou a contratação do então volante de 27 anos, que pertencia ao Valencia, da Espanha, e estava emprestado ao Vélez Sarsfield, da Argentina.

Na época, o então diretor de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, comentou sobre as negociações.

- O Cruzeiro, nesta semana, encerrou uma tratativa de duas, três semanas com o Gago. O Valencia quer vender o jogador. Querem 3 milhões de euros. Tentamos o empréstimo, mas parece que ele quer jogar no Boca. Que siga a vida dele - disse Alexandre Mattos na época.

Episódio com Ronaldo:

A temporada de 2007 marcou um momento crucial para Fernando Gago e Ronaldo Fenômeno no Real Madrid. O argentino foi adquirido por 20,5 milhões de euros do Boca Juniors, enquanto o artilheiro brasileiro, atual gestor do futebol do Cruzeiro, enfrentava desafios sob o comando do técnico italiano Fábio Capello.

Os dois estiveram juntos em campo apenas uma vez, durante alguns minutos, quando Gago foi titular e Ronaldo entrou no segundo tempo. Na semana seguinte, Ronaldo e outras estrelas do time, como Beckham e Cassano, foram afastados do Real.

No mesmo ano, Ronaldo fechou contrato com o Milan, enquanto Gago permaneceu vinculado ao Real Madrid por cinco temporadas, disputando 120 jogos.

Últimas