Lance Felipão exalta vitória: 'Voltamos a ser aquele time que vinha jogando'

Felipão exalta vitória: 'Voltamos a ser aquele time que vinha jogando'

Técnico do Palmeiras comemorou a vantagem nas quartas de final da Copa do Brasil, derrotando o Internacional nesta quarta. Comandante já garantiu mudanças na sequência

Técnico do Palmeiras comemorou a vantagem nas quartas de final da Copa do Brasil, derrotando o Internacional nesta quarta. Comandante já garantiu mudanças na sequência

Lance

Lance

Lance

Depois da pausa para a Copa América, o Palmeiras voltou a campo na noite desta quarta-feira, derrotando por 1 a 0 o Internacional, na ida das quartas de final da Copa do Brasil. O desempenho dos jogadores agradou e muito o técnico Luiz Felipe Scolari. Em entrevista coletiva após a partida, o comandante do Verdão exaltou dizendo que o time "voltou a ser aquele que vinha jogando".

- Gostei muito. Hoje voltamos a ser aquele time que vinha jogando. Força, determinação e organizados. Falhamos em cinco situações que poderiam resultar em gol. Essas indecisões é que não podemos ter em jogos, principalmente em mata-mata. Se nós tivéssemos tido mais qualidade no passe final, na escolha final, quem sabe poderíamos ter feito mais um gol - afirmou, completando:

- Mas jogar contra o Internacional é sempre muito difícil, muito equilibrado. O Palmeiras ganhou, mas ainda não passou. O Internacional vai jogar igual ou bem melhor em seu estádio. São 180 minutos que nós, pelo menos, saímos em vantagem no início. Mas respeitamos o Internacional em tudo, é uma equipe muito bem montada.

Com o resultado, o Palmeiras tem a vantagem de empatar na semana que vem para avançar à semifinal da Copa do Brasil. Uma vitória do Internacional, por um gol de diferença, fará a disputa da vaga ser nos pênaltis. O jogo de volta acontece às 21h30 da próxima quarta-feira, no Beira-Rio. Antes, no sábado, o Verdão visita o São Paulo, no Morumbi. Felipão já garantiu que fará mudanças.

- Pela movimentação, entrega e ritmo, já prevejo, no mínimo, umas cinco ou seis mudanças para o jogo do Palmeiras contra o São Paulo. Quarta-feira tem a decisão contra o Internacional. Eu tenho que pensar quem realmente foi ao máximo neste jogo, para que esteja em condições na quarta. Sobre Deyverson, vou conversar com ele. Quem sabe a titularidade não esteja deixando ele raciocinar totalmente que em algumas jogadas ele é nove, nove, não um oito de armação - finalizou.