Ex-goleiro Higuita conta que foi pressionado a entregar Pablo Escobar

Ex-goleiro da seleção colombiana relembra que foi preso acusado de envolvimento no sequestro de uma menina na década de 90. Ele nega que tenha sido amigo do traficante

Lance

Lance

Lance

O ex-goleiro Higuita, que fez muito sucesso no futebol colombiano, relembrou um episódio marcante envolvendo o narcotraficante Pablo Escobar. O ex-atleta da seleção da Colômbia foi preso em 1993 acusado de ligação no sequestro de uma menina e, segundo ele, pressionado pela polícia a entregar o então homem mais procurado do planeta.

As autoridades entendiam que Higuita era amigo de Pablo e, por isso, ele saberia o paradeiro do narcotraficante. O sequestro da menina supostamente foi organizado por Escobar, de acordo com o relato do ex-goleiro.

- Eles me disseram: "Entregue Pablo Escobar e você não será acusado". Quando essa perseguição a Pablo Escobar começa, eles começam a pegar todos os seus amigos. Eles me pressionaram a entregá-lo, mas eu não sabia de nada. Eu não era amigo dele. As autoridades sabiam que eu era inocente... - relembrou Higuita em entrevista ao programa "90 Minutos", da Fox Sports, da Argentina.

Higuita já afirmou que tinha uma boa relação com Pablo Escobar, mas negou qualquer envolvimento com o tráfico de drogas.