Lance Da euforia à decepção, Alex Teixeira tem passagem apagada em seu retorno ao Vasco

Da euforia à decepção, Alex Teixeira tem passagem apagada em seu retorno ao Vasco

Jogador teve contratação festejada em 2022, mas desempenho não foi satisfatório

Lance

A segunda passagem de Alex Teixeira pelo Vasco foi, no mínimo, decepcionante. Revelado pelo clube em 2008, o meia-atacante retornou ao Cruz-Maltino em julho do ano passado, com festa e apresentação à torcida em São Januário. No entanto, o desempenho do jogador durante o último ano e meio foi abaixo do esperado.

Alex Teixeira chegou ao Vasco em meio a disputa da Série B de 2022. Vindo do Besikitas, da Turquia, o jogador não entrava em campo há meses e demorou a entrar em forma. Assim, o camisa 7 virou opção do banco de reservas e não foi a referência técnica que prometia quando foi contratado. Houve sim momentos de brilho, como os dois gols da virada do Cruz-Maltino contra o Operário, na campanha do acesso à primeira divisão, mas foram poucos.

➡️ Tudo sobre o Gigante agora no WhatsApp. Siga o nosso novo canal Lance! Vasco

Mesmo assim, o Vasco decidiu renovar com Alex, que tinha vínculo apenas até dezembro de 2022, por mais uma temporada. Demorou mais de um mês para aceitar a renovação, perdeu a pré-temporada, mas, em janeiro, assinou novo contrato até o fim deste ano. Contudo, a esperança na melhora de desempenho não foi, mais uma vez, correspondida.

No Campeonato Carioca, Alex Teixeira até teve boas atuações, marcando em clássicos contra Botafogo e Flamengo. O desempenho, porém, não se manteve no restante do ano, e o meia-atacante perdeu espaço, principalmente após a chegada de Ramon Díaz. Ao todo, o camisa 7 participou de 35 dos 53 jogos do Cruz-Maltino no ano, sendo apenas 24 como titular, e marcou quatro gols, além de ter dado três assistências.

Confira os números de Alex Teixeira em sua segunda passagem pelo Vasco

➡️ Vasco tem time-base montado para 2024 e orçamento milionário para contratações de peso

Agora, com o fim de mais uma temporada, Alex Teixeira não deve permanecer no Vasco. Seu contrato se encerra no dia 31 de dezembro de 2023, e o clube não parece se movimentar por uma renovação com o jogador de 33 anos. Assim, a segunda passagem do camisa 7 pela Colina Histórica se provou uma verdadeira decepção.

Últimas