Cruzeiro coloca funcionários da sede em férias contra a Covid-19

A Raposa também comentou sobre as medidas que os clubes brasileiros pretendem tomar para evitar maiores prejuízos e se terão como seguir o calendário 2020

Lance

Lance

Lance

O Cruzeiro realiza mais uma medida de prevenção contra a pandemia do coronavírus. A Raposa concedeu férias para a grande maioria de seus funcionários da área administrativa entre os dias 24 de março a 23 de abril de 2020. As férias coletivas vão ajudar no combate a Covid-19 e também para amenizar prejuízos financeiros no clube.

A Raposa fez o comunicado nesta terça-feira,24 de março, segundo o diretor-executivo André Argolo, que confirmou a notícia ao jornal Hoje em Dia.

A sede administrativa, que fica no Barro Preto, região central de BH, funcionará com apenas 30% da força de trabalho, com esses profissionais cumprindo suas atividades em regime de home office ou em esquema de escala.

Quanto ao time de futebol, o Cruzeiro e os demais clubes brasileiros seguem avaliando e negociando o que fazer com os vencimentos dos atletas e o seguimento do calendário do esporte no Brasil.

-Este foi um dos assuntos discutidos pela Comissão Nacional dos Clubes. A proposta, que envolve a maior parte das agremiações do país, é dar férias coletivas de 20 dias a partir de abril e 10 dias de férias entre o fim do ano de 2020 e início de 2021. É um momento muito difícil para todos os clubes e outras medidas estão sendo avaliadas-disse André Argolo no Congresso Nacional dos Clubes.

O número de casos investigados da COVID-19 subiu de 7.766 para 11.832 em Minas Gerais nas últimas 24 horas, segundo a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG). Os infectados são 130,sendo que 87 deles em Belo Horizonte.