Lance Conheça o Al Ahly, representante do continente africano no Mundial de Clubes

Conheça o Al Ahly, representante do continente africano no Mundial de Clubes

Clube egípcio conquistou vaga na competição após a conquista da Champions Africana

Lance

A fase de quartas de final do Mundial de Clubes acontecerá nesta sexta-feira, com quatro clubes brigando pelas duas vagas restantes nas semifinais. Fluminense e Manchester City estarão de olho nos jogos para conhecerem seus adversários, e terão os olhos atentos a um gigante do continente africano.

Acostumado a ter seu lugar na competição, o Al Ahly, do Egito, enfrenta o Al-Ittihad de Benzema, às 15h (horário de Brasília). A equipe africana, em seu quarto Mundial seguido, é a segunda que mais marcou presença, com nove participações - atrás apenas do Auckland City, com 11. Em três oportunidades, conseguiu alcançar o terceiro lugar, além de disputar cinco semifinais.

FEITOS HISTÓRICOS
Considerado por muitos o maior clube do continente, o Al Ahly conquistou em 11 oportunidades a Champions League Africana, além de cinco vices. Hoje, em seu elenco, conta com jogadores como o brasileiro Bruno Sávio, o conhecido francês Anthony Modeste, e Ali Maâloul, lateral tunisiano que jogou a Copa do Mundo de 2022.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

VELHO CONHECIDO
Os torcedores do Palmeiras já passaram por uma experiência negativa com os Vermelhos. No Mundial de 2020 - realizado no ano seguinte -, o Verdão foi eliminado pelo Tigres, do México, na semifinal, e encontrou os egípcios na disputa de terceiro lugar. Após empate sem gols no tempo normal, Rony, Luiz Adriano e Felipe Melo desperdiçaram suas cobranças, e a medalha de bronze ficou com o Nacional. No ano seguinte, a vingança brasileira viria em vitória por 2 a 0, com gols de Raphael Veiga e Dudu, conquistando a classificação para a decisão.

Já em 2023, foi a vez do Flamengo encarar o time do Egito. Em jogo aberto e cheio de gols, o Rubro-Negro largou na frente, sofreu a virada, mas buscou o triunfo por 4 a 2, com dobletes de Pedro e Gabigol.

MÁ EXPERIÊNCIA
Na história, nem tudo são flores para a equipe comandada por Marcel Koller. Em 2005, o Al Ahly enfrentou o próprio Al-Ittihad, também nas quartas de final, mas acabou sendo derrotado por 1 a 0. Na ocasião, o gol foi marcado por Mohammed Noor, já nos minutos finais do duelo.

➡️ Conheça o Al-Ittihad, representante do país-sede do Mundial de Clubes

O QUE ESPERAR?
Os Vermelhos entram na competição como azarões, tentando surpreender os Tigres nesta sexta. Caso se classifiquem, enfrentam o Fluminense de Fernando Diniz na semifinal, buscando a vaga na grande decisão.

Últimas