Lance Com gol na estreia, Léo Matos surge como boa opção ofensiva no Vasco

Com gol na estreia, Léo Matos surge como boa opção ofensiva no Vasco

Experiente lateral faz bom jogo contra o Goiás e pode elevar a qualidade no último terço pela direita. O jogador também mostrou que pode ser uma ótima arma nas jogadas áreas

Lance
  • Lance | por Lance

Lance

Lance

Lance

Apesar dos desfalques, o Vasco contou com a estreia do lateral-direito Léo Matos no empate com o Goiás por 1 a 1, na Serrinha, pela 19ª rodada do Brasileirão. Mesmo diante da falta de entrosamento, o experiente jogador teve uma boa estreia e mostrou que pode elevar a qualidade no último terço trazendo uma nova opção ofensiva pelo lado direito.

Logo no início do duelo, o torcedor já pode receber o cartão de visitas do atleta, que demonstrou muita disposição na marcação e ótimo cabeceio. Aos 16, após boa batida de escanteio do argentino Leonardo Gil, o lateral se movimentou para o primeiro pau, desviou a bola e enganou toda a defesa adversária, estufando as redes de Tadeu.


De acordo com os números do portal 'Sofascore', o jogador foi responsável pelo segundo maior número de passes do Vasco no jogo com 37, trazendo recurso técnico para o lado direito do ataque vascaíno. Diante de uma fraca temporada de Yago Pikachu e da irregularidade do jovem Cayo Tenório, Léo Matos aparece como um reforço importante para a sequência da temporada.

- O Goiás precisava do resultado e se jogou para cima. Tentamos jogar com mais inteligência, mas tivemos uma infelicidade no contra-ataque. Mas, estamos felizes com o desempenho de quem entrou. O Léo Matos também foi muito bem no jogo, estreou bem. A gente sabe que a posição não está legal, mas estamos trabalhando duro para sair dessa - disse Ricardo Graça sobre a estreia do companheiro.

Outro aspecto em que o lateral se destacou foi nas bolas alçadas na área, demonstrando qualidade ao fazer 6 cruzamentos e acertar 89% dos passes durante partida. No duelo, em Goiânia, o Vasco explorou bastante o jogo aéreo com 71 bolas longas, uma característica dos times do comandante português.

Ao lado de 'Colo Gil', o novo camisa 3 da equipe vascaína mostrou que pode ser muito útil ao esquema de Ricardo Sá Pinto. No entanto, ele não poderá jogar contra o Caracas, na quarta, já que não foi inscrito nesta fase da competição sul-americana. Para a lateral, a tendência é o retorno de Yago Pikachu, visto que Cayo Tenório testou positivo para Covid-19.

Na etapa final, o Vasco sentiu uma queda na questão física, e caiu de rendimento após as substituições do português. Assim, o Esmeraldino teve oportunidades de virar a partida, mas parou na trave e na bela defesa de Fernando Miguel. Em sua rede social, Léo Matos comemorou o gol logo na estreia, mas lamentou o resultado na Serrinha.

- Muito feliz pela estreia e também pelo gol, porém insatisfeito com o resultado por acreditar que merecíamos a vitória. Agradeço a todos meus companheiros pela confiança e por terem me recebido tão bem nessa primeira semana de trabalho. Vamos conquistar muitas coisas boas juntos!! - disse

Na próxima rodada, o Cruz-mailtino volta a campo domingo contra o Palmeiras, às 16h (de Brasília), no primeiro duelo do returno do Campeonato Brasileiro. Antes disso, a equipe decide uma vaga nas oitavas de finais da Copa Sul-Americana diante do Caracas, às 21h30, na quarta, no Estádio Olímpico de la Universidad Central de Venezuela.

Últimas