Lance Clubes do Paulistão abrem mão de parte do prêmio para custear protocolo contra Covid-19

Clubes do Paulistão abrem mão de parte do prêmio para custear protocolo contra Covid-19

Os 16 times da Série A1 do Paulista entraram em acordo com a Federação Paulista de Futebol e decidiram abrir mão de 30% da premiação pelas despesas com o protocolo

Lance
Lance

Lance

Lance

Na tarde dessa sexta-feira (7), a Federação Paulista de Paulista comunicou que, em comum acordo, os 16 clubes participantes do Campeonato Paulista 2021 decidiram dividir de maneira igualitária 30% da premiação do torneio, a fim de arcar com as despesas do Protocolo de Saúde de proteção contra a Covid-19.

Fla ou Corinthians no topo? Veja os 30 clubes mais valiosos do futebol brasileiro

De acordo com a própria FPF, do prêmio total que é repartido entre os competidores (R$ 11,79 milhões), R$ 3,53 milhões vão ser alocados e divididos entre todos os times para custear todos os testes.

VEJA TABELA E SIMULE A ÚLTIMA RODADA DO PAULISTÃO

Dessa forma, cada time vai receber cerca de R$ 221 mil para pagar os custos com testes e compra de equipamentos para a sustentação do protocolos, que fizeram ser possível a disputa da competição em meio a pandemia.

A premiação esportiva, com o ajuste de 30%, vai totalizar pouco mais de R$ 7,9 milhões. O campeão receberá R$ 3,5 milhões, enquanto o vice fica com R$ 1,154 milhão.

Premiação Paulistão

Premiação Paulistão

Lance

Premiação atualizada do Paulistão (Foto: FPF)

Últimas