Lance Barty dispara no ranking feminino após conquista de Wimbledon

Barty dispara no ranking feminino após conquista de Wimbledon

Australiana empliou vantagem para Osaka

Lance
Lance

Lance

Lance

Campeã de Wimbledon pela primeira vez, a australiana Ashleigh Barty empliou a vantagem no ranking feminino da Associação das Tenistas Profissionais, a WTA. Ela somou sua 84ª semana na frente da tabela feminina.

Barty foi aos 9635 pontos contra 7336 da japonesa Naomi Osaka, vantagem de 2.300 pontos o que dá uma segurança para a tenista uma vez que Osaka defenderá o título do US Open a partir do fim de agosto.

A bielorrussa Aryna Sabalenka, semifinalista em Londres, subiu um posto para o terceiro lugar. Sofia Kenin ganhou dois e é a quarta seguida pela canadense Bianca Andreescu e a ucraniana Elina Svitolina. Vice em Wimbledon, Karolina Pliskova subiu seis e é a sétima. Iga Swiatek é a oitava seguida pela romena Simona Halep que não jogou Wimbledon e despencou do terceiro para o nono lugar. Ela defendia o troféu de 2019. A espanhola Garbiñe Muguruza é a décima. Serena Williams, que defendia o vice, caiu para o 16º posto, oito abaixo da última lista. Ela se machucou na quadra na estreia em Londres e abandonou.

Entre as brasileiras, Bia Maia subiu oito e é a 180ª, Gabriela Cé perdeu dez e é a 250ª, Laura Pigossi é a 317ª e Carol Meligeni e 328ª.

Últimas