Lance Atividade física: procura por serviços online registra alta de 34%, diz estudo

Atividade física: procura por serviços online registra alta de 34%, diz estudo

Júnior Iwanowski, especialista em marketing digital, explica como as divulgações ajudam o mercado

Lance
Lance

Lance

Lance

Uma pesquisa realizada por uma das principais plataformas de serviços online, a GetNinjas, apontou que o crescimento da procura por serviços de profissionais da educação física subiu 34%, em 2021. O número mostra que as pessoas voltaram a praticar atividades físicas.

Segundo um levantamento feito pela Fundação Oswaldo Cruz, 62% das pessoas deixaram de praticar atividades físicas durante a pandemia. Com isso, a tendência é que a partir de agora as pessoas procurem cada vez mais por serviços destes profissionais de forma remota. Sobre isso, o especialista em marketing digital Júnior Iwanowski explica como as propagandas digitais contribuem neste processo de retorno das pessoas às práticas esportivas.

“É importante que o personal trainer divulgue seu serviço nas plataformas digitais. As pessoas estão à procura deste serviço para recuperarem o tempo perdido durante a pandemia. Com a volta à rotina, as pessoas estão querendo trabalhar de uma forma mais intensa para poderem pagar as dívidas que surgiram nesses dois últimos anos e isso faz com que elas não tenham tempo para frequentarem uma academia”, explicou.

De acordo com ele, os serviços digitais fazem parte da rotina das pessoas atualmente e mesmo aqueles que frequentam um ambiente físico, procuram complementar com aulas online. “A pandemia criou o hábito por serviços online, mesmo que seja oferecido um serviço presencial é importante que o educador físico ofereça um serviço de forma remota. Os investimentos em divulgações já alcançaram R$ 14,7 bi este ano. Isso mostra que é preciso divulgar as aulas para não ficar fora do mercado”, disse.

Por fim, ele diz que este trabalho precisa ser expandido para diversos canais de comunicação, entre eles as mídias sociais para que o público atingido com divulgações seja maior. “Os anúncios dos professores devem ir além dos aplicativos. Esse trabalho deve ser realizado também nas mídias sociais. Lá existem muitas pessoas que estão precisando de ajuda para sair do sedentarismo. Com essa estratégia, o retorno deste trabalho será ainda maior”, completou.

Últimas