Lance Apesar da pandemia, Membro do COI acredita que os Jogos de Tóquio poderão ser os melhores da história

Apesar da pandemia, Membro do COI acredita que os Jogos de Tóquio poderão ser os melhores da história

John Coates, presidente do Comitê Olímpico Australiano (AOC), afirma que adiamento da Olimpíada faz com que a expectativa sobre a realização do megaevento seja ainda maior

Lance
Lance

Lance

Lance

Neste sábado, o membro do Comitê Olímpico Internacional (COI) e presidente do Comitê Olímpico Australiano (AOC), John Coates disse, em entrevista, que a Olimpíada de Tóquio, que será realizada em 2021, pode ser uma das melhores da história. O megaevento pretende ser a representação de que a população venceu a barreira do coronavírus e a esperança de um mundo melhor.

- Acredito que as Olimpíadas de Tóquio possam estar entre os melhores Jogos de todos os tempos, se não forem os melhores... "E deixando de lado o paroquialismo de um homem orgulhoso de Sydney... certamente espero que Tóquio seja", brincou, se referindo à Olimpíada de 2000 - comentou no encontro geral anual do AOC.

Segundo o australiano, o adiamento da Olimpíada faz com que a expectativa sobre a realização do megaevento seja ainda maior. Além disso, o dirigente relembrou outros Jogos, que aconteceram após as duas Guerras Mundiais, no século XX. As edições da Antuérpia, em 1920 e Londres, em 1948, que também foram cercadas de incertezas e espera.

- Como todos devemos esperar mais do que a já longa espera pelas Olimpíadas, os Jogos de Tóquio ecoarão suave, mas perceptivelmente, a pura alegria e alívio das outras Olimpíadas de Antuérpia, adiadas em 1920, e Londres, em 1948 - ressaltou o dirigente, que é o chefe da Comissão de Coordenação do COI para Tóquio-2020.

Por fim, Coates falou sobre a possibilidade da Austrália ter sua terceira Olimpíada. Vale lembrar, que o país já foi sede em Sydney-2000 e Melbourne-1956. Dessa vez, estado de Queensland é o candidato aos jogos de 2032, sendo favorito para vencer o pleito.

- Sempre acreditei em fazer da necessidade uma virtude. Já existe a necessidade de emprego e crescimento na economia de Queensland, resultante do impacto do Covid-19. Os Jogos são uma parte crítica da recuperação econômica do estado e do país no curto prazo, além de todos os legados de saúde, bem-estar, econômico e esportivo de longo prazo - salientou.

Até o momento, além da Austrália, Alemanha, Espanha, Índia, Indonésia e Países Baixos já declararam o interesse de receber as Olimpíadas em 1932. Os maiores concorrentes dos australianos, é uma proposta conjunta envolvendo as Coreias do Sul e do Norte.

Últimas