Antony marca no início, São Paulo vence Vasco e abre vantagem no G-6

Em partida disputada na noite desta quinta-feira, no Morumbi, paulistas começaram pressionando e fizeram cedo gol que garantiu mais uma vitória


Sem muita dificuldade, com bastante tranquilidade. Foi assim que o São Paulo venceu o Vasco por 1 a 0 na noite desta quinta-feira, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. Nos minutos iniciais, Antony fez o gol que garantiria os três pontos para a equipe comandada por Fernando Diniz, abrindo vantagem para assegurar a vaga na fase de grupos na Conmebol Libertadores de 2020. O jogo não foi grandes coisas tecnicamente, mas o placar foi o suficiente para o objetivo da equipe.

Com o resultado, o São Paulo chegou a 57 pontos, na sexta colocação do Campeonato Brasileiro, abrindo quatro de diferença para o Corinthians, que vem logo a seguir. O Vasco ficou com 44 pontos, em 12º lugar. Ambas as equipes voltam a campo pela competição no fim de semana - enquanto no sábado os paulistas visitam o Grêmio, os cariocas recebem o Cruzeiro no dia seguinte.

O São Paulo foi para cima desde o começo, aproveitando falhas iniciais do Vasco. Com poucos segundos de jogo, Vitor Bueno mandou forte e obrigou o goleiro Fernando Miguel a fazer grande defesa. Mas não demorou muito para a equipe de Fernando Diniz sair na frente do marcador. Aos cinco, após cobrança de lateral na área feita por Reinaldo, a defesa falhou, a bola sobrou para Pablo, que achou Antony - ele, de primeira, não desperdiçou a oportunidade de colocar o 1 a 0 para o São Paulo.

Na frente, o São Paulo seguiu pressionando para ampliar o marcador ainda no primeiro tempo. O jogo foi caminhando sem muito perigo até o intervalo, quando aos 41 minutos Juanfran mandou para a área, achou Vitor Bueno, que cabeceou por cima. O panorama foi mantido no início da etapa final, quando o Vasco levou perigo pela primeira vez - aos 11, Marrony aproveitou cruzamento perfeito de Henrique e cabeceou, mas o goleiro Tiago Volpi foi muito bem para evitar o empate, mandando para escanteio.

A partida foi se aproximando do fim. O Vasco, nulo na criação, pouco fazia. O São Paulo, ciente disto, também não se esforçava, administrando a vitória então parcial construída nos minutos iniciais do jogo. Os sustos acabavam surgindo em lances isolados - como aos 33, quando Oswaldo Henríquez salvou em cima da linha em finalização de Arboleda. Fim de duelo, vitória do São Paulo por 1 a 0. Merecido? Sim. Mas poderia ter feito mais - ambas as equipes... Jogo foi bem ruim de se assistir.

SÃO PAULO 1 x 0 VASCO

Estádio: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/hora: 28/11/2019, às 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF) - Nota LANCE!: 6,5 (conduziu bem a partida)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Junior (DF)
Árbitro de vídeo: Heber Roberto Lopes (SC)
Gramado: Bom
Público/renda: 11.970 torcedores/R$ 343.649,00
Cartões amarelos: Tchê Tchê, Juanfran, Reinaldo, Luan (SAO) e Marcos Junior, Raul (VAS)
Cartão vermelho: -

GOL: Antony 5'/1ºT (1-0)

SÃO PAULO: Tiago Volpi, Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Tchê Tchê (Luan 27'/2ºT), Igor Gomes (Liziero 41'/2ºT) e Daniel Alves; Antony, Vitor Bueno e Pablo. Técnico: Fernando Diniz.

VASCO: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Leandro Castan e Henrique; Raul, Richard (Felipe Ferreira 24'/2ºT), Guarín e Marcos Junior (Ribamar 47'/1ºT); Bruno César (Valdívia 13'/2ºT) e Marrony. Técnico: Maurício Copertino.