Lance Abel se torna o sétimo técnico com mais jogos pelo Palmeiras no Brasileirão

Abel se torna o sétimo técnico com mais jogos pelo Palmeiras no Brasileirão

Com o empate em 1 a 1 diante do Goiás na tarde deste sábado (16), o português superou Leão no ranking

Lance
Lance

Lance

Lance

O empate em 1 a 1 diante do Goiás na tarde deste sábado (16), pelo Campeonato Brasileiro, fez com que Abel Ferreira assumisse o posto de sétimo técnico que mais dirigiu o Palmeiras na história da competição nacional, que ainda não está na prateleira de conquistas do treinador.

GALERIA

> ATUAÇÕES: Com Rony em noite de herói, Palmeiras arranca empate no fim

TABELA

> Clique aqui para conferir a tabela completa e o simulador do Brasileirão!

Com 50 partidas disputadas na beira do gramado palmeirense, Abel Ferreira se igualou a Jorge Vieira na sétima posição da lista de treinadores que mais comandaram o Palmeiras na história do Brasileirão. O técnico supera Emerson Leão, com 49 jogos.

GUIA DO BRASILEIRÃO

> Multicampeão, Palmeiras vai buscar título inédito na era Abel Ferreira

Com contrato renovado recentemente até 2024, o comandante português pode ultrapassar ainda Cuca, que esteve à frente do Verdão em 63 oportunidades e, por mais que seja difícil, Vanderlei Luxemburgo, que soma 147 jogos no nacional.

No retrospecto geral deste número emblemático de 50 partidas no Brasileiro, foram 28 vitórias, 13 empates e 21 derrotas.

O português chegou ao Verdão em novembro de 2020. De lá para cá, foram cinco títulos conquistados, incluindo o bicampeonato da Libertadores. A primeira vez em que levantou a taça do torneio, inclusive, veio depois de apenas 26 jogos à frente da equipe.

Abel foi o primeiro treinador estrangeiro a conquistar um título no clube alviverde desde o argentino Filpo Nuñez, em 1965, e entrou definitivamente para a história ao faturar também a Copa do Brasil em sua temporada de estreia.

Vale lembrar que o português é o único técnico a vencer dois títulos em uma mesma temporada pelo Palmeiras neste século, se juntando assim a Humberto Cabelli (1933), Ventura Cambon (1951), Oswaldo Brandão (1972), Vanderlei Luxemburgo (1993 e 1994) e Felipão (1998) no grupo dos que levantaram mais de um troféu de campeonato na mesma temporada em toda a história do clube.

Últimas