Lance Abel Ferreira diz que nível do Palmeiras é de 'equipe europeia'

Abel Ferreira diz que nível do Palmeiras é de 'equipe europeia'

Abel fez questão de exaltar o elenco que tem nas mãos e demonstrou frustração por não ter faturado outras competições

Lance
Lance

Lance

Lance

A festa já estava com hora marcada e a vitória, de virada, do Palmeiras sobre o América-MG foi a cereja do bolo. Em um clima de bom humor pelo ótimo desfecho da temporada, Abel Ferreira concedeu uma entrevista coletiva que celebrou os atletas da sua equipe e os equiparou com o nível europeu.

> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2022 clicando aqui

- Olha para te ser sincero o que me vem à cabeça foi a categoria que fizemos esse Brasileirão, uma equipe com mentalidade muito forte, uma equipe que sabe jogar muito bem. Uma equipe europeia, na minha opinião, em todos os níveis. O que tem a ver com foco, concentração, tá sempre ligado, não relaxa em nenhum momento. Sétimo jogo de virada, em 2020 tinham sido quatro e em 2021 outras quatro e é isto que me enche de orgulho de ser treinador desses jogadores - declarou Abel.

O time palmeirense superou a casa dos 80 pontos na tabela de classificação e teve uma campanha exemplas na competição. Contudo, o treinador demonstrou frustração por não conseguir faturar a Copa do Brasil e a Libertadores na temporada.

- Ficam aqui atravessadas duas competições que foi a Copa do Brasil e a Libertadores, não sei se íamos ganhar as competições. Fica a sensação de que algo não correu como deveria ter corrido, mas mantemos o nosso foco. Fiquei muito contente com os nossos jogadores, em momentos difíceis e de dificuldade, como foi a nossa eliminação, não só a motivação dos nossos torcedores depois do jogo, como os jogadores entenderam que só havia um caminho, continuar a acreditar e confiar um nos outros - disse o treinador.

O comandante português termina mais uma temporada no Palmeiras com um título de expressão. Questionado sobre o diferencial da equipe Alviverde diante dos demais clubes, o técnico listou diversas qualidades.

​- Teve mais qualidade, mais organização, foi mais time, teve mais vontade, mais equilíbrio, mais mentalidade, fez mais gols, “furou” menos. Foi “limpinho”, imaculado. Um grande trabalho da nossa equipe - relatou Abel.

ATUAÇÕES: Em clima de despedida, Scarpa ajuda na “partida da taça” e leva a melhor nota do Palmeiras

Agora, no Brasileirão, o Palmeiras vai se preparar para o último compromisso. No Beira-Rio, o Alviverde encara o Internacional, neste domingo, às 16h (de Brasília).

Últimas