Jogada 10 Veríssimo se despede do Corinthians com ‘até breve’ e uma indireta

Veríssimo se despede do Corinthians com ‘até breve’ e uma indireta

Defensor provoca presidente do Corinthians e diz que 'a verdade prevalecerá'. Lucas Veríssimo já foi apresentado pelo Al-Duhail, do...

Jogada 10
Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Jogada 10

O zagueiro Lucas Veríssimo se despediu do Corinthians neste sábado em publicação nas redes sociais. Após deixar o Timão e acertar com o Al-Duhail (QAT), o defensor deixou subentendido o desejo de voltar um dia, mas também cutucou o presidente Augusto Melo.

No Instagram, Veríssimo usou a frase “maldito homem que confia no homem”, uma provocação à declaração do mandatário corintiano. Na última semana, com o acerto do zagueiro com a equipe do Oriente Médio, o mandatário corintiano se mostrou surpreso com o desfecho e usou a mesma frase em entrevista.

Além disso, Lucas Veríssimo também disse que “a verdade prevalecerá”. O clima entre as partes é em tom de discordância.

Veríssimo estava emprestado até o meio do ano, mas o Corinthians tinha um acerto com o Benfica para comprá-lo em definitivo. A equipe paulista pagaria 8 milhões de euros (R$ 42 milhões), mas o contrato não foi assinado.

A oferta do clube do Qatar ao Benfica foi de 9 milhões de euros (R$ 48 milhões), e Lucas Veríssimo receberá no Oriente Médio mais que o dobro do que ganhava no Corinthians. O Timão, contudo, não recebeu nada com o término do vínculo de maneira antecipada.

Veja a despedida de Lucas Veríssimo

“Chegou a hora de dizer até breve!

Defender o Corinthians foi uma grande honra, na qual vou guardar para sempre comigo.

Foi também a decisão mais rápida e acertada que já tomei ao longo da minha carreira profissional.

Realizei um sonho vestindo esta camisa. Ver a Fiel lotando a Arena e empurrando o time foi algo surreal e levarei pra sempre comigo.

Procurei dar sempre o meu melhor por esse clube. Empenho, dedicação e entrega nunca faltaram!

Afinal, jogar no Corinthians é isso!

Só posso agradecer todo apoio desde a primeira ligação que recebi para falar sobre esse grande desafio. Do primeiro dia no clube, desde funcionários, comissão técnica e companheiros, fui muito bem acolhido por todos.

Além da torcida, que sempre me tratou com respeito e muito carinho.

Afinal, jogar e viver o Corinthians não é para qualquer um.

Tenho certeza que a verdade ainda prevalecerá.

Jeremias 17:5 (Maldito homem que confia no homem)

Valeu, Timão!”

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas