Jogada 10 Eduardo será julgado pelo STJD e pode pegar gancho de até seis partidas em 2024

Eduardo será julgado pelo STJD e pode pegar gancho de até seis partidas em 2024

Meia alvinegro foi denunciado por conta de expulsão na partida contra o Coritiba, pela 36ª rodada do Brasileirão

Jogada 10
Foto: Vitor Silva/Botafogo

Foto: Vitor Silva/Botafogo

Jogada 10

Eduardo, meio-campista do Botafogo, será julgado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) na quarta-feira (20). O jogador sofreu denúncia pelo cartão vermelho na partida contra o Coritiba, dia 29 de novembro, pela 36ª rodada do Brasileirão. O camisa 33 pode ser suspenso por até seis jogos na próxima edição da competição.

Eduardo cometeu falta em Andrey, em uma entrada forte, aos 32 minutos do primeiro tempo. Na ocasião, o árbitro Rodrigo José Pereira de Lima, que inicialmente aplicou o cartão amarelo, recebeu a recomendação do VAR, que tinha o árbitro Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro, para rever a jogada. Assim, analisou que o lance era passível para expulsão.

Dessa forma, Eduardo foi denunciado no artigo 254 § 1º inciso I do CBJD, que indica jogada violenta com emprego excessivo da força. Neste caso, o ato prevê punição de uma a seis partidas.

Eduardo recebe sondagens de outros clubes

Um dos grandes nomes da equipe de General Severiano, Eduardo recebeu sondagem, nos últimos dias, do Al-Suqoor, da Segunda Divisão da Arábia Saudita. Essa, aliás, foi a segunda vez neste ano que um clube do futebol saudita demonstrou interesse na contratação do jogador de 34 anos. Afinal, em junho, um fundo de clubes fez oferta para levá-lo quando o Glorioso liderava a Série A com larga vantagem. Entretanto, o próprio meia recusou a proposta.

Eduardo tem contrato com o Botafogo até o fim de 2024, com multa rescisória na casa dos R$ 159 milhões.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas