Jogada 10 Carpini exalta ponto em Mirassol: ‘Mais um jogo de invencibilidade’

Carpini exalta ponto em Mirassol: ‘Mais um jogo de invencibilidade’

Empate do São Paulo contra o Mirassol não deixa Thiago Carpini insatisfeito; treinador lamenta apenas gol anulado de Galoppo

Jogada 10
Foto: Divulgação/São Paulo FC

Foto: Divulgação/São Paulo FC

Jogada 10

Após o empate com o Mirassol, nesta terça-feira (23), o técnico Thiago Carpini, do São Paulo, fez uma análise ponderada sobre a atuação da equipe. Ele preferiu destacar o começo de temporada e as dificuldades inerentes a um adversário competitivo. Dessa forma, considerou que o ponto ganho e a manutenção da invencibilidade no Paulistão foram os pontos mais importantes:

“Os números foram bons, refletem o que foi o jogo. Um time bem ajustado na defesa como o Mirassol, sempre que saía em contra-ataque, levava perigo. São detalhes de início de temporada. Mais do que dizer o que faltou para vencer, prefiro valorizar o ponto conquistado. É mais um jogo de invencibilidade. Tivemos chances, mas é tudo parte de um processo e de coisas a ajustar”.

O único grande ponto de lamentação do treinador foi o gol anulado de Galoppo. Aliás, o próprio meio-campista argentino já tinha saído de campo esbravejando por conta da anulação do VAR. De acordo com Carpini, o Mirassol acabou levando sorte pela invalidação de um lance que, na verdade, seria legal.

“O jogo foi o que imaginávamos, jogar em Mirassol é sempre difícil. Por poucos pontos, é uma equipe que não está jogando a Série A (do Brasileiro). Viemos de um período curto de trabalho, com muitas mudanças e ajustes dentro do elenco. Então, procuramos a melhor estratégia para o time de hoje. Em relação ao gol anulado, se falamos demais, surte algum efeito negativo. Mas uma finalização como a do Galoppo, acho muito difícil que a interferência de algum atleta fizesse o Muralha defender. Para mim, foi gol legítimo”.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas