Esportes Invicto em casa, Londrina recebe o Operário por reabilitação na Série B

Invicto em casa, Londrina recebe o Operário por reabilitação na Série B

Londrina e Operário dão sequência na nona rodada do Campeonato Brasileiro Série B nesta quarta-feira, às 19h, no Estádio do Café, em Londrina (PR). Os mandantes buscam A reabilitação para se afastarem da zona de rebaixamento (Z-4), enquanto os visitantes querem ampliar a série invicta.

O Londrina foi derrotado pelo CRB, por 1 a 0, na última rodada e tem oito pontos, perto do Z-4. O time se apoia no bom retrospecto em casa, onde ainda não perdeu - são duas vitórias e dois empates.

Já o Operário está há quatro jogos sem perder. Alcançou 12 pontos e se aproximou do grupo de acesso (G-4). Os resultados fora de casa, porém, não são bons e o clube ainda não venceu. Em quatro jogos, foram três empates e uma derrota. O time vem de vitória incrível, por 3 a 2, diante do Ituano, com três gols entre 35 e 41 minutos do segundo tempo.

O técnico Adilson Batista deve mexer no meio-campo do Londrina. Isso porque o volante Jhonny Lucas volta de suspensão e também de lesão. Se a mudança se confirmar, Marcinho fica como opção no banco de reservas.

Há ainda outras dúvidas, já que o zagueiro Saimon tem dores no tornozelo e pode dar lugar a Denílson ou Augusto. Eltinho e Felipe Vieira também disputam vaga na lateral, enquanto Gegê e Mossoró buscam chance no meio-campo.

Adilson se mostrou descontente com os erros do Londrina e fez um alerta ao elenco. "Todos os gols, se pegarmos, a gente tem coisas que proporcionou ao adversário. Precisamos diminuir esses erros. A gente quer um padrão de organização, de retenção de bola, de posse de bola, de valorizar a bola, de saídas rápidas, de recomposição rápida", explicou.

Claudinei Oliveira também tem um retorno no Operário após suspensão: o volante André Lima, que retoma a posição. Por outro lado, o lateral-direito Arnaldo foi expulso e está fora, dando lugar a Lucas Mendes. O meia Javier Reina, com dores no ombro, é dúvida e, se não jogar, Giovanni Pavani deve entrar, embora Felipe Saraiva também seja opção.

Depois da última vitória, Claudinei destacou a importância de fazer gols quando o time estiver em melhor momento. "Você não vai ser melhor o jogo inteiro. Quando você é melhor ou bem superior, você tem que fazer os gols, senão uma hora você é penalizado. A lição que fica é assim: quando estiver melhor no jogo, capricha, procura fazer os gols", alertou.

Últimas