Esportes Holandês vai ser o árbitro da final da Eurocopa entre Itália e Inglaterra

Holandês vai ser o árbitro da final da Eurocopa entre Itália e Inglaterra

Björn Kuipers vai ser o primeiro árbitro holandês a comandar uma final de Eurocopa. Ele foi designado pelo Comitê de Arbitragem da Uefa para trabalhar domingo, às 16 horas (de Brasília) no duelo entre Itália e Inglaterra, em Wembley.

Árbitro internacional desde 2006, Kuipers, de 48 anos, vai dirigir pela sétima final uma competição organizada pela Uefa. Ele esteve, anteriormente, nestas finais: Liga Europa 2018 entre Olympique de Marseille e Atlético de Madrid; Liga dos Campeões de 2014 entre Real Madrid e Atlético de Madrid; Liga Europa de 2013 entre Benfica e Chelsea; Europeu Sub-21 de 2009 entre Alemanha e Inglaterra; Europeu Sub-17 de 2006 entre República Checa e Rússia; e a Supertaça de 2011 entre Barcelona e Porto.

Björn Kuipers também fez parte da equipe de árbitros da Eurocopa/2012, Copa do Mundo de 2014, Eurocopa/2016 e o Mundial da Rússia/2018. Na fase final da Eurocopa deste ano, atuou em dois jogos: Dinamarca x Bélgica e Eslováquia x Espanha pela primeira fase e o duelo das quartas-de-final entre a República Checa e Dinamarca.

Kuipers será acompanhado na final de domingo pelos assistentes Sander van Roekel e Erwin Zeinstra (ambos também da Holanda), além do espanhol Carlos del Cerro Grande, o quarto árbitro.

A função de árbitro assistente de vídeo (VAR) foi atribuída ao alemão Bastian Dankert, e será acompanhado pelo holandês Pol van Boekel e os alemães Christian Gittelmann e Marco Fritz. O espanhol Juan Carlos Yuste Jiménez completa a escalação como árbitro assistente reserva.

Últimas