Futebol Willian rescinde com o Corinthians e nega atrito com Vítor Pereira

Willian rescinde com o Corinthians e nega atrito com Vítor Pereira

Meia-atacante tinha contrato até dezembro de 2023 e deve voltar para o futebol europeu

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Meia-atacante Willian em treino com bola pelo Timão

Meia-atacante Willian em treino com bola pelo Timão

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Durou pouco menos de um ano (11 meses) a segunda passagem de Willian pelo Corinthians. Em entrevista na tarde desta quarta-feira (10) à ESPN, um dia após a derrota para o Flamengo e a eliminação na Libertadores, o meia-atacante confirmou que acerta os últimos detalhes para rescindir seu contrato, que iria até dezembro de 2023.

Willian completou 34 anos nesta terça-feira (9) e deverá voltar para o futebol europeu. Já existem conversas adiantadas com o Fulham (Inglaterra). Pelo Timão, foram 45 jogos disputados e apenas 1 gol marcado.

O meia-atacante tinha o maior salário do elenco corintiano (R$ 1,2 milhão) e reconheceu que não teve uma grande passagem pelo clube paulista. “Sei que meu desempenho não foi o que eu esperava, mas nunca fui jogador de fazer 20 ou 30 gols por temporada”, revelou.

O jogador explicou que o principal motivo para deixar o Corinthians foi familiar. Willian recebeu ameaças nas redes sociais nos últimos meses, e isso preocupou sua esposa. As filhas do jogador também foram vítimas de ofensas.

O camisa 10 negou que um dos motivos para sair tenha sido o descontentamento com o técnico Vítor Pereira. “Nunca tive o menor problema com Vítor Pereira”, frisou.

O assunto foi levantado após alguns meios de comunicação terem citado o descontentamento por parte do elenco com algumas declarações do técnico português nas entrevistas pós-jogo.

Neste ano, Willian sofreu com lesões no ombro (luxação) e na coxa (tendinite). As contusões pesaram contra a sequência de jogos e atrapalharam o desempenho dele.

Classificado! Veja as fotos da vitória do Flamengo no Maracanã

Últimas