Futebol Vasco vence Ituano com gol de pênalti e garante retorno à Série A

Vasco vence Ituano com gol de pênalti e garante retorno à Série A

Cruzmaltino abriu placar logo nos primeiros minutos em lance que gerou expulsão do adversário; goleiro Thiago foi destaque

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Resumindo a Notícia

  • Vasco x Ituano valia uma vaga na Série A do Campeonato Brasileiro
  • Time carioca venceu com um gol de pênalti, em lance que gerou expulsão de jogador adversário
  • Cruzmaltino passou duas temporadas na Série B do futebol nacional
  • Cruzeiro, Grêmio, Bahia e Vasco conquistaram o acesso para primeira divisão
Nenê marcou o gol que garantiu o Vasco na Série A do Brasileirão

Nenê marcou o gol que garantiu o Vasco na Série A do Brasileirão

Daniel Ramalho/Vasco

Acabou a Série B. O Vasco pode comemorar o seu retorno à elite do futebol nacional. Neste domingo (6), no estádio Dr. Novelli Júnior, em partida que valia uma vaga na Série A, o Cruzmaltino venceu o Ituano por 1 a 0 e respirou aliviado após uma temporada conturbada.

A "Batalha de Itu" se apresentou com um enredo inimaginável no estádio. Na expectativa de equilíbrio desde o primeiro toque na bola, o roteiro foi quebrado logo aos dois minutos de jogo.

O Vasco, que passou as duas últimas temporadas na Série B, subiu ao ataque em sua primeira investida, com Raniel, que dividiu bola com o goleiro Jefferson Paulino. Na sobra, Gabriel Pec bateu para o gol e Lucas Dias, zagueiro do Ituano, cortou com o braço. Expulsão e pênalti marcado. Nenê foi para a bola e deixou o Vasco em vantagem na casa do Galo de Itu.

O Ituano, mesmo com um jogador a menos dentro de campo, não se acanhou e foi para cima do Gigante da Colina, que dava espaços para construção dos mandantes. O Cruzmaltino chegou a ampliar o marcador com Raniel, já na reta final da primeira etapa, mas o auxilar Bruno Boschilia anotou posição irregular no lance.

Na volta para o segundo tempo, a trama ganhou mais pontos dramáticos. Aos 11 minutos, Andrey Santos, destaque do Vasco na Série B, deu entrada forte em Aylon e foi expulso, deixando o confronto em igualdade numérica novamente.

A equipe da casa, após ver um cenário favorável, ocupou o campo de ataque e tentou furar o bom bloqueio montado pelo técnico Jorginho, que não dava oportunidades claras a serem aproveitadas.

O clima nas arquibancadas do Novelli Júnior na reta final já era de tensão generalizada. Os mais de 14 mil torcedores - sendo cerca de quatro mil do Vasco - apoiavam suas respectivas equipes. O Ituano pressionava, apostava no jogo aéreo, e dava claras demonstrações de nível físico superior.

Apesar de todo o esforço, prevaleceu a organização vascaína. Com gol no início e contornos dramáticos, o Gigante da Colina pôde, enfim, comemorar seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro ao apito final do árbitro Wilton Pereira Sampaio.

Botafogo lidera lista de clubes com mais jogadores convocados para Copa do Mundo

Últimas