Futebol Três jogadores do Liverpool testam positivo para Covid-19

Três jogadores do Liverpool testam positivo para Covid-19

Às vésperas do jogo contra o Chelsea, no domingo (2),  a equipe inglesa sofre com lesões e atletas diagnosticados com a doença

Reuters - Esportes
Elenco do Liverpool é mais um que sofre com a Covid-19 na Inglaterra

Elenco do Liverpool é mais um que sofre com a Covid-19 na Inglaterra

LINDSEY PARNABY / AFP

Três jogadores do Liverpool e integrantes da comissão testaram positivo para Covid-19 antes da viagem para enfrentar o Chelsea, mas é muito cedo para pedir à Premier League que adie o jogo, disse o técnico Juergen Klopp nesta sexta-feira (31).

A liga adiou 18 partidas até agora devido a uma mistura de surtos de Covid-19 e lesões em vários clubes, deixando-os sem jogadores suficientes para cumprir os compromissos.

"Temos três novos casos de Covid na equipe e mais alguns na comissão, então não está tão legal no momento", disse Klopp a repórteres antes do jogo de domingo em Londres.

"Não posso (revelar quem deu positivo) porque temos que passar por todo o processo, PCR, mas você verá depois de amanhã na ficha da equipe, ficará claro quem está afetado."

Quando questionado se o Liverpool teria de pedir o adiamento do jogo, Klopp afirmou: "Ainda não, mas não sabemos. Nunca tivemos um surto de 10-15 jogadores."

Virgil van Dijk, Thiago Alcântara, Fabinho e Curtis Jones voltaram a treinar no Liverpool no início desta semana após terem ficado isolados devido a testes positivos de Covid-19.

Klopp acrescentou que Thiago e Takumi Minamino, que desfalcou o time na derrota no meio da semana para o Leicester City devido a dores musculares, ainda não têm condições de jogo.

"Provavelmente o Taki está mais perto, está correndo. O Thiago ainda não", disse o técnico alemão. "Pode demorar um pouco mais, um problema no quadril - não temos ideia de onde está vindo. Temos que ser um pouco pacientes."

Terceiro colocado, o Liverpool está um ponto atrás do Chelsea, que está em segundo, com um jogo a menos.

O líder Manchester City está oito pontos à frente do Chelsea e Klopp disse que, apesar de sua vantagem no meio da temporada, ainda há muito o que jogar.

"Há um momento decisivo em abril, aí você tem que estar perto o suficiente para ter uma chance de verdade. Vamos ver onde estaremos. De agora em diante ... são muitas partidas para jogar, muitas competições diferentes", disse Klopp.

De máscara, anônimos são destaque da São Silvestre 2021

Últimas