Torcedor imita macaco para santistas em jogo da Libertadores

Episódio de racismo aconteceu na arquibancada do Defensa y Justicia, em jogo válida pela primeira rodada do Grupo G da competição continental 

Torcida do Defensa y Justicia estava animada com partida pela Copa Libertadores

Torcida do Defensa y Justicia estava animada com partida pela Copa Libertadores

Agustin Marcarian/Reuters - 3.3.2020

Outro caso de racismo foi registrado na Copa Libertadores. Um torcedor na arquibancada do Defensa y Justicia, na província de Buenos Aires, na Argentina, fez gestos de macaco em direção à torcida do Santos. O Peixe ganhou a partida válida pela primeira rodada do Grupo G.

Em imagens que circulam na internet, um torcedor sem camisas, cercado por policiais, na torcida do time dirigido pelo ex-jogador Hernán Crespo, começa a imitar macaco apesar dos protestos da torcida do Santos. Os policiais ao lado pouco se manifestam.

A Conmebol ainda não se manifestou sobre o ocorrido. Inicialmente, o próprio Santos preferiu não comentar o assunto e apenas comemorar a vitória.

Curta a página de Esportes do R7 no Facebook

Racismo no futebol: goleiro vascaíno e jogador do Mali não estão sozinhos