Futebol São Paulo terá viagens longas na Sul-Americana; veja os grupos

São Paulo terá viagens longas na Sul-Americana; veja os grupos

Tricolor caiu em chave com times da Bolívia, Peru e Chile; Santos terá confronto com argentino, chileno e equatoriano

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Luciano, atacante do São Paulo

Luciano, atacante do São Paulo

São Paulo FC

O São Paulo conheceu seus adversários na fase de grupos da Copa Sul-Americana e já sabe que o deslocamento será um desafio. Em sorteio realizado nesta sexta-feira (25) na sede da Conmebol, no Paraguai, ficou definido que o Tricolor encara na primeira fase Jorge Wilstermann (Bolívia), Ayacucho (Peru) e Everton (Chile) pelo Grupo D.

Campeão da edição de 2012, naquele que foi seu último título internacional, o time do Morumbi aparece como favorito à vaga única da chave, já que somente os primeiros colocados de cada um dos oito grupos avança para o mata-mata — o terceiro colocado de cada grupo da Libertadores completa as oitavas de final da Sul-Americana.

Outro paulista na disputa, o Santos caiu no Grupo C ao lado de Unión La Calera (Chile), Banfield (Argentina) e Universidad Católica (Equador).

O Brasil ainda será representado na fase de grupos por Internacional, Fluminense, Cuiabá, Ceará e Atlético-GO.

A fase de grupos da Sula, com seis rodadas em jogos de ida e volta, começa a ser disputada nos dias 5 e 7 de abril, com previsão de terminar em 26 de maio. A final está marcada para o dia 1º de outubro, no Mané Garrincha, em Brasília.

Premiação
A Conmebol divulgou também os valores de premiação do torneio. Pela fase de grupos, cada clube receberá US$ 900 mil. Depois, os valores são: US$ 500 mil pelas oitavas, US$ 600 mil pelas quartas e US$ 800 mil pelas semifinais. O vencedor da grande decisão embolsa mais US$ 5 milhões, e o vice fica com US$ 2 milhões.

Somando todos os valores a partir da fase de grupos, o campeão da Sul-Americana vai levar, ao todo, US$ 7,8 milhões (aproximadamente R$ 37,6 milhões na cotação atual).

Confira a formação dos grupos:

Grupo A: Lanús (Argentina), Montevideo Wanderers (Uruguai), Metropolitano (Venezuela) e Barcelona (Equador)

Grupo B: Racing (Argentina), Melgar (Peru), River Plate (Uruguai) e Cuiabá

Grupo C: Santos, Unión La Calera (Chile), Banfield (Argentina) e Universidad Católica (Equador)

Grupo D: São Paulo, Jorge Wilstermann (Bolívia), Ayacucho (Peru) e Everton (Chile)

Grupo E: Internacional, Independiente Medelín (Colômbia), 9 de Octubre (Equador) e Guaireña (Paraguai)

Grupo F: LDU (Equador), Defensa y Justicia (Argentina), Atlético-GO e Antofagasta (Chile)

Grupo G: Independiente (Argentina), Deportivo La Guaira (Venezuela), Ceará e General Caballero (Paraguai)

Grupo H: Júnior Barranquilla (Colômbia), Oriente Petrolero (Bolívia), Unión de Santa Fé (Bolívia) e Fluminense

Itália perde para Macedônia e está fora da Copa pela 2ª vez seguida

Últimas