Futebol Santos sai na frente, mas cede empate ao Unión La Calera: 1 a 1

Santos sai na frente, mas cede empate ao Unión La Calera: 1 a 1

Resultado em Viña del Mar deixa o Peixe em terceiro lugar no grupo C da Sul-Americana; chilenos assumem a ponta

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Lucas Pires chuta bola observado por Bauermann em jogo no Chile

Lucas Pires chuta bola observado por Bauermann em jogo no Chile

Ivan Storti/Santos FC

Fora de casa, o Santos empatou com os chilenos do Unión La Calera por 1 a 1 na noite desta quinta-feira (28) e estacionou na terceira colocação do Grupo C da Copa Sul-Americana, com quatro pontos. O La Calera assumiu a ponta, com cinco. A partida foi disputada no Estádio Sausalito, em Viña del Mar.

O Peixe volta a atuar pela competição em 5 de maio, às 21h30, em jogo de volta com o Universidad Católica de Quito, segundo colocada, com quatro pontos, no Estádio Olímpico Atahualpa, na capital equatoriana. O La Calera, em mesmo dia e horário, visita o Banfield, lanterna, com três, no Estádio Florencio Sola, Buenos Aires.

O jogo
Santos, com seu tradicional uniforme branco, e La Calera, todo de vermelho, começaram com muita vontade em campo. Afinal, quem ganhasse assumiria a liderança da chave.

Aos 9 minutos, Ângelo e Jhojan Julio participaram de jogada que terminou com bola nos pés de Ricardo Goulart. Ele tocou para Bryan Angulo, substituto de Marcos Leonardo, suspenso, e o equatoriano acertou chute no canto de Arce: 1 a 0 Santos.

Apesar de não estar no seu estádio, em obras, o La Calera se sentia em casa. Tanto que não se abalou e, aos 25’, empatou. Uma bola rebatida parcialmente por Bauermann encontrou o pé de Valencia, que soltou o foguete de direita para deixar tudo igual: 1 a 1.

O gramado sintético estava escorregadio e prejudicava as duas equipes. O jogo caiu de qualidade, o Peixe não se encontrou e o placar ficou parcialmente inalterado.

Etapa final
O Santos mudou: Gabriel Pirani no lugar de Ângelo, apagado na partida; e Lucas Braga por Jhojan Julio, que brigou muito pelas bolas, mas errou passes importantes.

Aos 9', seguia 1 a 1. Com o Peixe tentando entender qual seria o melhor caminho para desempatar. Muitas rebatidas de bola e pouca criatividade de lado a lado.

O Alvinegro Praiano ainda chegou bem perto de fazer outro gol em duas ocasiões seguidas, mas o goleiro Arce mostrou tempo de bola e elasticidade para evitar o êxito de Angulo e Madson.

Pirani ainda arriscou de fora da área para o Santos; Sáez se arriscou em busca de triangulação que resultasse em gol para o La Calera; Matías Fernández e Castellani também tentaram criar algo. O segundo tempo, contudo, seguia fraco de ambos os lados.

As equipes fizeram mais mudanças. Mas ficou nisso. E o técnico santista Fabián Bustos segue sem vencer fora de casa no comando ao Alvinegro Praiano após sete partidas: três derrotas, quatro empates.

FICHA TÉCNICA

Unión La Calera 1 x 1 Santos
Local: Estádio Sausalito, em Viña del Mar (Chile)

Data e hora: quinta-feira (28/04), às 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Ángel Arteaga (Venezuela)
Assistentes: Alberto Ponte (Venezuela) e Franchescoly Chacon (Venezuela)

Gols: Bryan Angulo (Santos), aos 9'/1ºT; Estaban Valencia (Unión La Calera), aos 25’1ºT

Cartões amarelos: Eduardo Bauermann (Santos), aos 38'/1ºT; Zanocelo (Santos), aos 11'/2ºT; Madson (Santos), aos 17'/2ºT; Lucas Passerini (Unión La Calera), aos 21'/1ºT; Erick Wiemberg, aos 27'/2ºT

UNIÓN LA CALERA: Arce; Matiaz Fernández (Orelliana), Vilches, Santiago Garcia, Erick Wiemberg e Estaban Valencia (Thomas Rodriguez); Alarcón, César Pérez (Garrido) e Castellani (Moreno); Lucas Passerini e Sebastián Sáez. Técnico: Carlos Galdames (interino).

SANTOS: João Paulo; Madson, Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Vinícius Zanocelo (Camacho) e Ricardo Goulart (Sandry); Ângelo (Gabriel Pirani), Bryan Angulo (Léo Baptistão) e Jhojan Julio. Técnico: Fabián Bustos.

Brasileiros estão na frente de City, Real e Liverpool em lista de melhores times do mundo

Últimas