Futebol Saiba o que esperar do Sampaio Corrêa, próximo adversário do Palmeiras na Copinha

Saiba o que esperar do Sampaio Corrêa, próximo adversário do Palmeiras na Copinha

Verdão vai enfrentar os maranhenses pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a primeira em mata-mata

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Jogadores do Sampaio Corrêa comemoram gol pela Copinha

Jogadores do Sampaio Corrêa comemoram gol pela Copinha

Ronald Felipe/Sampaio Corrêa

O Palmeiras conheceu seu adversário na segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior na noite desta terça-feira (10). Com os resultados do grupo 4, ficou definido que o Sampaio Corrêa, do Maranhão, vai enfrentar o Palmeiras na primeira rodada de mata-mata da Copinha.

Ao contrário do Verdão, que teve 100% de aproveitamento na primeira fase da Copa São Paulo, o Sampaio Corrêa teve uma fase de grupos mais complicada. Não fosse o empate do Itabaiana com o Botafogo-SP por incríveis 4 a 4, a equipe do Maranhão poderia ter ficado de fora do mata-mata com a derrota para o Atlético-GO na última rodada.

O Sampaio Corrêa estreou na Copinha justamente com empate com o Itabaiana, com Jailson e Lucas Emanuel marcando os gols. Na segunda rodada, vitória por 2 a 1 contra o Botafogo com dois gols de Lucas Emanuel. Já na última partida, a equipe maranhense foi derrotada pelo Atlético-GO por 1 a 0 em jogo que valia a liderança do grupo 4.

Além da campanha com uma vitória, um empate e uma derrota, o Sampaio Corrêa terminou a primeira fase com zero gols de saldo. Foram quatro gols marcados e quatro gols sofridos em três partidas no grupo 4.

Assim como o Palmeiras, o Sampaio Corrêa disputa a Copinha com um elenco bastante jovem para a competição. De todo o elenco, apenas o atacante Claudinho tem 20 anos. A maioria dos atletas têm entre 17 e 18 anos, com idade para disputar pelo menos mais uma edição da principal competição de base do futebol brasileiro. Destaque individual do time até agora, com três dos quatro gols da equipe, o meia Lucas Emanuel tem 19 anos.

Rogério Ceni já trabalhou com nove goleiros diferentes no São Paulo

Últimas