Futebol Raniel, do Santos, passa bem após segunda cirurgia em seis meses

Raniel, do Santos, passa bem após segunda cirurgia em seis meses

Atacante de 24 anos realizou o procedimento na perna direita no Hospital AACD, em São Paulo, neste sábado (27)

Agência Estado - Esportes
Raniel, de 24 anos, passou por cirurgia neste sábado (27) no Hospital AACD, em SP

Raniel, de 24 anos, passou por cirurgia neste sábado (27) no Hospital AACD, em SP

Reprodução/Redes Sociais

O atacante Raniel, do Santos, realizou neste sábado (27) mais uma cirurgia na perna direita, a segunda em apenas seis meses. De acordo com nota divulgada pela assessoria de imprensa do clube, o procedimento médico foi um "alongamento da musculatura posterior da perna e retirada da fibrose que limitava os movimentos do tornozelo".

A cirurgia, realizada no Hospital AACD, em São Paulo, pelo médico Marco Túlio Costa e acompanhada pelo departamento médico do Santos, transcorreu de forma tranquila, sem intercorrências, segundo o comunicado. No momento, o jogador segue em recuperação na internação do hospital com a perna imobilizada. A previsão é de que o trabalho de fisioterapia comece nos próximos dias.

Essa, na verdade, é a segunda cirurgia do jogador em cerca de seis meses, período em que o jogador está afastado desde que foi acometido por uma trombose venosa profunda. Na época, ele passou por uma cirurgia para reverter o problema. A recuperação não evoluiu como esperado e, recentemente, Raniel teve um encurtamento no tendão calcâneo, motivo da operação desde sábado.

No ano passado, após o jogador ter sido testado positivo para a covid-19 em setembro, houve até discussões de especialistas e médicos se a doença responsável pela pandemia não teria causado essas complicações na perna do atacante do Santos. As opiniões divergiram e não foi comprovada a relação.

Depois da sua segunda cirurgia, Raniel foi às redes sociais ainda neste sábado para informar aos fãs e torcedores que passa bem após o procedimento.

"Ocorreu tudo bem e logo logo estarei fazendo o que mais amo novamente. Na nossa vida vamos encontrar muitos obstáculos, mas cabe a nós decidirmos se vamos parar ou suportar todas as provações e seguir em frente. Eu sempre opto por seguir em frente mesmo caindo, pois sei que uma hora Deus me honrará e tudo isso vai passar! Está tudo bem comigo e já já estarei em campo", disse o atleta de 24 anos.

Últimas