Futebol Palmeiras vence, elimina Santos e depende do Corinthians pela vaga

Palmeiras vence, elimina Santos e depende do Corinthians pela vaga

Alviverde precisa de tropeço do Novorizontino, que enfrenta seu maior rival na última rodada. Peixe ainda pode ser rebaixado

  • Futebol | Felippe Scozzafave, do R7

Viña fez um gol e deu uma assistência na vitória do Palmeiras no clássico

Viña fez um gol e deu uma assistência na vitória do Palmeiras no clássico

Cesar Greco/Agência Palmeiras 06/05/21

O Palmeiras já era tido como praticamente eliminado do Campeonato Paulista. Mas não foi à toa que essa equipe conquistou três títulos na última temporada. Nesta quinta-feira (6), mesmo atuando com um time misto, o Alviverde bateu o Santos na reedição da final da última Libertadores, por 3 a 2 e chega à última rodada ainda com chances de classificação no estadual.

Para confirmar a vaga, os comandados de Abel Ferreira precisam vencer a Ponte Preta, no próximo domingo e torcer para que o Novorizontino tropece. O "problema" é que o time interiorano encara o Corinthians. Será que vai ter palmeirense torcendo para o maior rival?

Já o Santos, já sem chances de classificação à próxima fase, também tem uma decisão pela frente. O motivo? Com apenas 10 pontos, o time corre riscos de ser rebaixado no Paulistão e tem pela frente um confronto direto com o São Bento, na Vila Belmiro.

Início frenético
Foi a reedição da final da Libertadores. Porém, ao contrário do último jogo, onde poucos foram os momentos de emoção até o gol de Breno Lopes, aos 53 do segundo tempo, a partida desta quinta foi frenética desde o início.

Jogo foi muito disputado desde o início

Jogo foi muito disputado desde o início

Cesar Greco/Agência Palmeiras 06/05/21

Após boa jogada de Scarpa pela direita, Viña, de cabeça, abriu o placar logo aos 7. Em desvantagem, o Santos acordou. E chegou ao empate aos 13. Marinho recebeu belo lançamento de Jean Mota, avançou e cruzou para Kaio Jorge mandar para as redes.

Palmeiras na frente mais uma vez
O jogo ficou ainda mais movimentado. E o Palmeiras, após escanteio cobrado por Scarpa, ficou novamente na frente com gol de cabeça de Willian. Além da desvantagem no placar, o Santos ainda perdeu seu primcipal jogador na reta final do primeiro tempo. Marinho, com um problema muscular, deu lugar ao jovem Ângelo, de 16 anos.

Santos melhora e empata
Isso, porém, não atrapalhou o Peixe a voltar bem melhor do intervalo. O empate não demorou a sair. Wesley puxou Kaior Jorge dentro da área e o árbitro marcou o pênalti. O próprio atacante bateu e deixou tudo igual no clássico.

A virada por pouco não saiu no lance seguinte. Lucas Braga fez a jogada na esquerda e cruzou para Marcos Leonardo, que bateu colocado. A bola explodiu na trave.

Lucas Esteves entra e decide o clássico
Mas se o Santos não soube aproveitar as chances que teve, o Palmeiras soube. Lucas Esteve, que havia acabado de entrar, apareceu de surpresa na área adversária, completou cruzamento de Viña e deu números finais ao jogo.

PALMEIRAS 3 X 2 SANTOS - CAMPEONATO PAULISTA 2021

Data: 6 de Maio de 2021, quinta-feira
Horário: 21h (horário de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes: Fabrini Bevilaqua Costa e Alex Ang Ribeiro
VAR: José Claudio Rocha Filho, Fabricio Porfirio de Moura e Carlos Augusto Nogueira Junior
GOLS: Matías Viña (7 ’1ºT) (1-0), Kaio Jorge (13 ’1ºT) (1-1); Willian (22 ’2ºT) (2-1); Kaio Jorge (7 ’2ºT) (2-2); Lucas Esteves (32 ’2ºT) (3-2)
Cartões amarelos: Zé Rafael (PAL); Gabriel Pirani, Jean Mota, Lucas Braga e Kaiky (SAN)
PALMEIRAS (Técnico: Abel Ferreira): Weverton, Mayke, Danilo Barbosa, Alan Empereur e Matías Viña; Felipe Melo (Danilo, 30/2ºT), Giovani, Zé Rafael (Zé Rafael, 38/2ºT), Gustavo Scarpa e Giovani (Lucas Esteves, 30/2ºT); Wesley (Rafael Elias, 31/2ºT) e Willian Bigode
SANTOS (Técnico: Marcelo Fernandes): João Paulo, Pará, Kaiky Fernandes, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jean Mota (Kevin Malthus, 20/2ºT), Vinícius Balieiro (Marcos Leonardo, 1/2ºT) e Gabriel Pirani (Renyer, 38/2ºT); Marinho (Ângelo, 41/1ºT), Kaio Jorge e Lucas Braga (Lucas Lourenço, 38/2ºT)

Caras e bocas no salto ornamental chamam atenção em evento-teste

Últimas