Futebol Palmeiras empata com Paraná em Londrina e segue na liderança

Palmeiras empata com Paraná em Londrina e segue na liderança

Líder do torneio tem dificuldade com vento e chuva fortes, leva gol do Paraná no 1º tempo, mas empata na 2ª etapa graças a gol de Scarpa, de pênalti

  • Futebol | Adalberto Leister Filho, do R7

Gustavo Scarpa, autor do gol do Palmeiras, protege a bola durante o jogo

Gustavo Scarpa, autor do gol do Palmeiras, protege a bola durante o jogo

ROBSON VILELA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O Palmeiras não saiu do empate contra o Paraná, no estádio do Café, em Londrina (PR), na tarde deste domingo (18). Os gols foram marcados por Keslley (Paraná) e Gustavo Scarpa, de pênalti (Palmeiras). 

Com o resultado, o time do técnico Luiz Felipe Scolari chegou a 71 pontos no Brasileirão e manteve a liderança da competição. Já o Paraná, já rebaixado, ocupa a última colocação, com 22 pontos.

Confira a classificação e a tabela do Brasileirão 2018

O jogo

Com o Paraná bastante desfalcado e usando jogadores da base para completar o time, o Palmeiras começou o jogo pressionando o time da casa. 

Logo aos 2', Moisés tocou para Dudu, que chutou forte, para fora. Aos 19', Diogo Barbosa desceu pela esquerda e cruzou para Scarpa, que chutou para a boa defesa do goleiro Thiago Rodrigues. 

Temporal e gol

Aos poucos, fatores climáticos deixaram o campo de jogo complicado para o Palmeiras tocar a bola. O problema começou com ventos fortes e continuou com um temporal, que começou a cair antes da metade do 1º tempo. 

O que estava ruim para o líder do Brasileirão ficou ainda pior aos 34'. Em uma rara descida ao ataque, Juninho passou por Mayke e cruzou da esquerda. O jovem Keslley, de 19 anos, se antecipou ao experiente Edu Dracena, 37, vencendo Weverton. Paraná 1 a 0. 

Aos 41', o Paraná voltou a assustar. Wesley Dias arriscou de longe. Favorecido pela força do vento, o chute veio perigoso, mas Weverton conseguiu espalmar para escanteio. 

Pressão palmeirense

O Palmeiras teve sua melhor chance quase no final do primeiro tempo. Gustavo Scarpa cobrou falta com perigo. Rafael Grampola desviou e quase traiu o goleiro Thiago Rodrigues.

O primeiro tempo acabou com o Palmeiras com 70% da posse de bola, de acordo com o FootStats. No entanto, o time foi pouco efetivo, chutando apenas cinco bolas ao gol O Paraná, por sua vez, finalizou duas vezes. 

Segundo tempo

Para dar mais equilíbrio ao ataque, o técnico Luiz Felipe Scolari promoveu a entrada de Willian Bigode no lugar de Lucas Lima, que pouco havia criado no primeiro tempo. Mas quem levou perigo primeiro foi o Paraná. Em contra-ataque, Keslley invadiu a grande área pela direita e chutou cruzado. Foi travado pelo zagueiro Antônio Carlos, que desviou a bola para fora. 

Empate do Palmeiras

Em lance confuso, aos 6', Dudu invadiu a área e caiu após ser tocado por defensor do Paraná. Na sequência do lance, Scarpa tocou para Willian, que chutou ao gol. A bola foi bloqueada por Jhony Douglas. O árbitro Bruno Arleu de Araujo marcou o pênalti. 

Gustavo Scarpa bateu bem, aos 8', sem chance para Thiago Rodrigues. Palmeiras 1 a 1. 

Pressão palmeirense

Após o empate, o Palmeiras partiu com tudo para cima do lanterna do Brasileirão. Aos 13', após boa troca de passes na entrada da área, Deyverson recebeu pela esquerda e chutou com perigo. A bola bateu na defesa e saiu para escanteio. 

A melhor opção de ataque para o Palmeiras eram os lançamentos para Dudu na esquerda. Em uma delas, aos 21', Dudu recebeu passe de Mayke na entrada da área e chutou forte, à esquerda do gol de Thiago Rodrigues.

Em boa jogada pela esquerda, a bola sobrou aos 41' para Borja, que havia entrado no lugar de Deyverson. O colombiano chutou forte, mas Thiago Rodrigues defendeu.

Curta a página R7 Esportes no Facebook

FICHA DO JOGO
PARANÁ 1X1 PALMEIRAS

Data: 18/11/2018; Estádio: do Café, em Londrina (PR); Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ); Público: não divulgado; Gols: Keslley, aos 34’ do 1º tempo; Gustavo Scarpa (pênalti), aos 8’ do 2º tempo (Palmeiras); Cartões amarelos:  Jhony Douglas, Keslley, Thiago Rodrigues e Renê santos (Paraná); Gustavo Scarpa e Borja (Palmeiras)

PARANÁ: Thiago Rodrigues; Wesley Dias, Renê Santos, Jesiel e Igor; Leandro Vilela e Jhony Douglas; Alesson (Jean Lucas, aos 22’ do 2º tempo), Juninho e Keslley; Rafael Grampola (Felipe Augusto, aos 32’ do 2º tempo). Técnico: Dado Cavalcanti

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo; Lucas Lima (Willian Bigode, no intervalo), Gustavo Scarpa (Bruno Henrique, aos 17’ do 2º tempo), Moisés e Dudu; Deyverson (Borja, aos 23’ do 1º tempo). Técnico: Luiz Felipe Scolari

Confira os times que mais faturam com patrocínio e material esportivo

Últimas