Futebol Equador se 'vinga' do Chile e vence em casa pelas Eliminatórias

Equador se 'vinga' do Chile e vence em casa pelas Eliminatórias

Seleção equatoriana havia perdido três pontos graças a ação movida pelos chilenos no TAS; Ángel Mena marcou o único gol da partida 

AFP
Equatorianos comemoram gol de Mena

Equatorianos comemoram gol de Mena

Rodrigo Buendia/ AFP - 21.11.2023

O Equador venceu o Chile por 1 a 0, em Quito, nesta terça-feira (21), em partida acirrada pela sexta rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026, que será disputada na América do Norte. 

'La Tricolor' venceu no estádio Rodrigo Paz Delgado com um gol de Ángel Mena, de pé esquerdo, aos 21 minutos. 

Esta vitória tem um sabor de vingança para os tricolores, de quem o TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) retirou três pontos na atual edição das Eliminatórias após uma reclamação do Chile pela inclusão indevida do zagueiro equatoriano Byron Castillo no torneio classificatório para a Copa do Catar-2022 e de quem a 'Roja' reivindicou a vaga na justiça desportiva.

Os chilenos começaram bem e ameaçaram o gol de Alexander Domínguez duas vezes no primeiro tempo. 

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Mas quem balançou a rede foram os equatorianos. Moisés Caicedo tocou a bola para o jovem Kendry Páez, que disparou uma bomba e o goleiro Brayan Cortés espalmou. Mena apareceu para recuperar o rebote e marcar o gol da vitória do Equador de pé esquerdo. 

Com este triunfo, 'La Tricolor' soma oito pontos e segue na zona de classificação direta, na sexta colocação, enquanto o Chile aprofunda sua crise e permanece entre os últimos colocados.

Após uma pausa de dez meses, as Eliminatórias Sul-Americanas serão retomadas em setembro de 2024, quando o Equador jogará como visitante contra o Brasil, no dia 5 daquele mês, em Porto Alegre, e em casa contra o Peru, cinco dias depois, na capital equatoriana.

Já o Chile viaja para encarar a Argentina no dia 5 e em 10 de setembro recebe a Bolívia.

Veja fotos da briga generalizada entre brasileiros e argentinos no Maracanã

Últimas