Futebol Em clássico eletrizante, Athletico vence o Coritiba de virada, com gol nos acréscimos

Em clássico eletrizante, Athletico vence o Coritiba de virada, com gol nos acréscimos

Furacão mostrou persistência e arrancou uma vitória histórica na Arena da Baixada; Canobbio marcou aos 53 do segundo tempo

Lance
Resumindo a Notícia
  • Athletico vence o Coritiba por 3 a 2 na Arena da Baixada

  • Gols do furacão foram marcados por Pablo, Willian Bigode e Cannobio

  • Gol que sacramentou a virada saiu aos 53 minutos do segundo tempo

  • Coritiba é o vice lanterna da competição; Athletico é o 5º

Canobbio marcou o gol da vitória do Furacão já nos acréscimos do segundo tempo

Canobbio marcou o gol da vitória do Furacão já nos acréscimos do segundo tempo

JOKA MADRUGA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 14.05.2023

Na Arena da Baixada, o Athletico venceu o Coritiba por 3 a 2, com direito a dois gols nos acréscimos, na noite deste domingo (14). Com o triunfo, o Furacão está na 5ª posição, com 12 pontos. O Coxa é o 19º, com 2 pontos.

Calendário

Na próxima rodada, o Athletico encara o Red Bull Bragantino, fora de casa. Enquanto isso, o Coxa mede forças com o Atlético-MG, no Couto Pereira.

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

O jogo

Os primeiros minutos foram intensos. O Athletico, empurrado pela torcida, chegou com perigo em cabeçada de Christian que parou na trave. A resposta do Coxa veio pouco depois. Marcelino Moreno aproveitou o rebote de fora da área e estufou a rede, 1 a 0.

Com a necessidade de buscar o marcador, o Furacão se lançou ao campo ofensivo, mas encontrava um Coritiba bem postado e com pouco espaço no setor defensivo.

Na etapa final o Furacão voltou com um ímpeto diferente e arrancou o empate logo aos 3 minutos. Após cruzamento, o centroavante desviou para a rede. A virada poderia ter surgido na sequência. Pablo finalizou, Gabriel deu rebote e pegou à queima-roupa o chute de Erick.

Quando o Furacão era melhor, o Coritiba voltou a liderar o placar. No erro da saída de bola, Zé Roberto acionou Robson, que só deslocou, 2 a 1.

Quando a vitória do Coxa parecia certa, o Athletico arrancou a igualdade. Na cobrança de lateral, Vitor Roque desviou e Willian Bigode soltou o pé, 2 a 2.

Aos 53 minutos, a vitória athleticana foi consolidada. Erick foi esperto, ganhou de Henrique e serviu Canobbio, que só empurrou para a rede, 3 a 2.

Ficha técnica

ATHLETICO 3 X 2 CORITIBA 

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)

Data e hora: 14/5/2023 – 18h30

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)

Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)

VAR: Herman Brumel Vani (SP)

Público e renda: 31.252 pessoas/R$ 1.318.250,00

Cartões amarelos: Fernando, Fernandinho (CAP), Marcelino Moreno, Bruno Gomes, Marcos Vinicius (CTB)

Cartões vermelhos: /

Gols: Marcelino Moreno (19’/1ºT) Pablo (3’/2ºT) Robson (20’/2ºT) Willian Bigode (45’/2ºT) Canobbio (53’/2ºT)  

ATHLETICO: Bento; Khellven (Madson, ao 1/2ºT), Pedro Henrique (Zé Ivaldo, ao 1/2ºT), Thiago Heleno, Fernando; Erick, Fernandinho; Christian (Canobbio, aos 27/2ºT), Terans (Vitor Bueno, aos 18/2ºT), Pablo (Willian, aos 27/2ºT); Vitor Roque.

Técnico: Paulo Turra

CORITIBA: Gabriel; Vinícius, Bruno Viana, Henrique, Chancellor, Jamerson (Victor Luis, aos 30/2ºT); Liziero (Matheus Bianqui, aos 41/2ºT), Bruno Gomes, Marcelino Moreno (Kaio César, aos 41/2ºT), Robson (Boschilia, aos 32/2ºT); Zé Roberto (Rodrigo Pinho, aos 30/2ºT).

Técnico: Antônio Carlos Zago

Garagem de Agüero tem carro de James Bond e veículo de R$ 2,2 milhões nunca usado; confira

Últimas