Futebol Cruzeiro atropela La U com sete gols e se mantém vivo na Libertadores

Cruzeiro atropela La U com sete gols e se mantém vivo na Libertadores

Equipe de Mano Menezes aplica maior goleada desta edição do torneio contra time chileno; com o resultado, Raposa assume segundo lugar do Grupo 5

cruzeiro, universidad de chile, libertadores,

Thiago Neves abriu o caminho para massacre do Cruzeiro diante de La U

Thiago Neves abriu o caminho para massacre do Cruzeiro diante de La U

Washington Alves/REUTERS - 26.04.2018

O Cruzeiro goleou a Universidad de Chile por 7 a 0, nesta quinta-feira (26), no Mineirão, pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores da América.

Com o massacre em Belo Horizonte, a equipe mineira chegou aos mesmos cinco pontos do time chileno, mas fica com a segunda colocação graças ao saldo de gols.

No primeiro lugar está o Racing-ARG, com sete.

Cruzeiro começa avassalador

Logo aos nove minutos de jogo, após criar duas boas chances, os donos da casa abriram o placar.

Em cobrança de falta, Thiago Neves finalizou colocado e superou o goleiro Johnny Herrera.

A Raposa manteve o ímpeto ofensivo e ampliou aos 17: Sassá é acionado na área e toca por cobertura sobre Herrera. Ao notar que a bola ia para fora, Rafinha chegou e completou de cabeça para o fundo das redes.

Após o segundo gol, a Raposa passou a administrar o resultado, e teve nova oportunidade aos 41 minutos. De Arrascaeta recebeu passe na área e foi derrubado por Vilches. O árbitro marcou o pênalti e deu o cartão amarelo para o zagueiro.

Na cobrança, Sassá deslocou o goleiro chileno e fez o terceiro do time de Mano Menezes.

Se a situação já estava tranquila para os donos da casa, ficou ainda mais aos 45. Vilches parou contra-ataque do Cruzeiro com falta em De Arrascaeta e recebeu o segundo cartão amarelo, sendo expulso de jogo.

Na segunda etapa, Raposa mantém o ritmo e massacra os chilenos

Os cruzeirenses voltaram com força no segundo tempo, mas levaram susto no primeiro minuto: Araos recebeu cruzamento e cabeceou firme, mas Fábio fez boa defesa.

Aos três, a situação ficou mais fácil para o Cruzeiro. Echeverría fez falta em De Arrascaeta com empurrão e recebeu cartão amarelo — seu segundo no jogo. O defensor foi expulso.

Poucos minutos depois, aos sete, a Raposa ampliou. Pela direita, Edílson fez cruzamento preciso e De Arrascaeta chutou de primeira para marcar o quarto dos mineiros no jogo.

O quinto gol veio aos 16 minutos. Sassá recebeu cruzamento de Egídio e completou para o fundo do gol, marcando seu segundo tento na partida.

Aos 23, a segunda boa chance dos chilenos. Araos fez bom lance individual pela direita, deixou a marcação para trás e soltou uma bomba, mas Fábio espalmou.

Quatro minutos depois, quase o sexto: De Arrascaeta recebeu belo passe de Romero e tocou por cima de Herrera, mas mandou para fora. A bola passou perto.

Aos 29, mais um gol cruzeirense. De Arrascaeta acionou Romero, que escorou para o meio. Thiago Neves apareceu sozinho e chutou no canto para fazer o sexto dos donos da casa.

O sétimo gol veio aos 35 minutos. Egídio fez ótimo cruzamento pela esquerda e Sóbis se antecipou a Herrera para marcar o gol e fechar a conta do jogo.

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO 7 X 0 UNIVERSIDAD DE CHILE

CRUZEIRO - Fábio; Edílson (Lucas Romero), Dedé, Léo e Egídio; Lucas Silva, Henrique (Ariel Cabral), Rafinha, Thiago Neves e Arrascaeta; Sassá (Rafael Sóbis). Técnico: Mano Menezes.

UNIVERSIDAD DE CHILE - Johnny Herrera; Jara, Vilches e Echeverría; Matías Rodríguez, Reyes, Pizarro (Contreras), Beausejour, Araos e Soteldo (Rafael Caroca); Plinilla (Guerra). Técnico: Guillermo Hoyos.

GOLS - Thiago Neves, aos 9, Rafinha, aos 17, e Sassá, aos 43 minutos do primeiro tempo. Arrascaeta, aos 7, e Sassá, aos 16, e 35 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Roddy Zambrano Olmedo (EQU).

CARTÕES AMARELOS - Henrique (Cruzeiro); Vilches e Echeverría (Universidad de Chile)

CARTÕES VERMELHOS - Vilches e Echeverría (Universidad de Chile).

RENDA e PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (BH).

R7 Esportes no Facebook. Curta a página!

Mercado da Bola: as novidades dos clubes para o Brasileirão 2018

    Access log