Futebol Corinthians diz ser ‘intransigente’ na defesa de seu torcedor

Corinthians diz ser ‘intransigente’ na defesa de seu torcedor

STJD suspende jogo com torcida única do Goiás que, por sua vez, definirá a forma de reembolso ou aproveitamento dos ingressos

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Carlos Miguel seria o goleiro corintiano no jogo

Carlos Miguel seria o goleiro corintiano no jogo

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians destacou a preocupação com o seu torcedor em comunicado sobre decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) que, após petição do clube paulista, suspendeu a partida com o Goiás marcada para este sábado (15), às 19h, no Estádio da Serrinha, com torcida única goiana.

“O Corinthians reforça sua posição intransigente na luta permanente por seus direitos e pela presença da Fiel Torcida em todos os jogos da equipe, por qualquer competição, e aguardará novas orientações do tribunal desportivo a respeito da partida suspensa”, ressaltou em suas páginas oficiais.

O Goiás, por sua vez, informou no fim da tarde que “comunicará, nos próximos dias, a forma de reembolso de valores ou reaproveitamento [dos ingressos] para a data remarcada". E completou: "Aguarda-se comunicação da CBF para a nova data”.

‘Equilíbrio das competições’
A situação sofreu reviravoltas nas últimas horas. Primeiro, o Corinthians informou que o STJD havia concordado com o pedido para liberar o acesso de sua torcida, o que contrariava decisão da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) com base em entendimento do Ministério Público de Goiás. 

O clube goiano recorreu e conseguiu manter torcida única esmeraldina em seus domínios por decisão do Tribunal de Justiça do Estado se Goiás. A situação ficou confusa e temerária sobre o que poderia ocorrer na hora do jogo.

A decisão mais recente, de suspensão do duelo, é assinada pelo presidente do STJD, Otavio Noronha, que observou: “Não pode o Tribunal obrigar as partes a descumprirem uma decisão da Justiça Comum. Ao mesmo tempo, é de responsabilidade do STJD zelar pela igualdade, ordem desportiva e equilíbrio das competições, motivo pelo qual entendeu por bem que a partida não fosse disputada”.

1º turno teve torcida goiana
O desequilíbrio, segundo esse entendimento, estaria tipificado pelo fato de que, no primeiro turno, a torcida do Goiás foi normalmente aceita na Neo Química Arena. O jogo, em 19 de junho, terminou em 1 a 0 para os corintianos.

O Goiás chegou a anunciar que os ingressos se esgotaram ainda na manhã deste sábado. A partida seria válida pela rodada 32 do Campeonato Brasileiro.

O Corinthians viajou até Goiânia com time reserva para poupar titulares por conta da decisão da Copa do Brasil com o Flamengo, na quarta (19), às 21h45, no Maracanã.

Camisa em homenagem ao Japão é mais uma a dividir opiniões no Corinthians; relembre outras

Últimas